MENU

Eles não me representam!

Eles não me representam!

Atualizado: Sexta-feira, 7 Março de 2014 as 2:36

protestoDe todos os protestos que vêm acontecendo em nosso país, dois jargões são os mais pronunciados “Ele não me representa” e “O gigante acordou”.
 
Tirando o autoritarismo enviesado que ganhou o “Ele não me representa”, pensemos em uma das maiores humilhações públicas que a bíblia relata:
 
“E alguns dos exorcistas judeus ambulantes tentavam invocar o nome do Senhor Jesus sobre os que tinham espíritos malignos, dizendo: Esconjuro-vos por Jesus a quem Paulo prega. E os que faziam isto eram sete filhos de Ceva, judeu, principal dos sacerdotes. Respondendo, porém, o espírito maligno, disse: Conheço a Jesus, e bem sei quem é Paulo; mas vós quem sois? E, saltando neles o homem que tinha o espírito maligno, e assenhoreando-se de todos, pôde mais do que eles; de tal maneira que, nus e feridos, fugiram daquela casa. E foi isto notório a todos os que habitavam em Éfeso, tanto judeus como gregos; e caiu temor sobre todos eles, e o nome do Senhor Jesus era engrandecido” – Atos 19:13-17.
 
Representar alguém é algo muito sério. Era exatamente isso que os malucos e despreparados filhos de Ceva estavam tentando fazer. Porém, naquele exato momento, assentado a destra de Deus, Cristo deve ter pensado na seguinte frase: – Eles não me representam! Não me representam porque falam de mim sem me conhecer, falam de mim pela fé de outro, falam de mim executando um mantra, falam de mim sem Metanoia, apenas falam de mim.
 
Quase dois mil anos depois Ele continua dizendo: não me representam os que negociam a palavra; não me representam os que comercializam o evangelho; não me representam os que materializam a fé; não me representam os que idolatram qualquer coisa; não me representam os mimados e imaturos “fiéis” da prosperidade; não me representam os que lamentam a vida abundante; não me representam os que procuram, e acharão, o reino das trevas; não me representam os que manipulam os princípios a fim de instaurar a anarquia. Não me representam!
 
Mas, me representam aqueles que têm amor à minha Palavra.
 
Sim! Jesus tem representantes que testificam dEle.
 
E sobre o segundo jargão “O gigante acordou”.
 
O nosso Gigante nunca dorme!
 
 
- Anderson Zanella
 

veja também