MENU

Jesus vem!

A Bíblia continua avisando: JESUS VEM. Preparemo-nos!

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quarta-feira, 9 Abril de 2014 as 11:23

adoraçãoEis que cedo venho! (Ap. 22.7 pp)

Ele já veio uma vez aqui, em cumprimento às promessas de Deus espalhadas por toda a Bíblia Sagrada. E a primeira delas está registrada no livro de gênesis capítulo 3 e versículo 15, cujo texto é denominado pelos teólogos como o protoevangelho. “E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua descendência e o seu descendente, este te ferirá a cabeça ,e tu lhe ferirás o calcanhar”.

Estando aqui, ele informou que partiria; “Disse-lhe Jesus: Não me detenhas, pois ainda não voltei ao Pai. Mas vai ter com meus irmãos, e dize-lhes: Eu volto para meu Pai e vosso Deus” (Jo 20.17), mas que voltaria, ou seja, viria pela segunda vez. “Não se turbe o vosso coração. Credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E se eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estou estejais vós também” (Jo 14.1-3).

No livro do Apocalipse, capítulo 22, nos deparamos com a expressão: Eis que cedo venho!, nos versículos 7 e 12. E no penúltimo versículo da Bíblia, portanto, no de número 20, a expressão é essa: Certamente cedo venho. Amém. Vem, Senhor Jesus.

Diante de tamanha evidência acerca da breve volta de Jesus a esse mundo, como seria maravilhosa, oportuna, edificante, motivadora e confortadora, se essa mensagem Bíblica, que saiu dos próprios lábios de Jesus estivesse sendo pregada com o mesmo entusiasmo e frequência, como muitos pregadores têm falado acerca de questões temporais. Infelizmente, as mensagens de bênçãos temporais têm ocupado o maior tempo nos púlpitos das igrejas, enquanto as mensagens de bênçãos eternas raramente se ouve.

A Bíblia continua avisando: JESUS VEM. Preparemo-nos!


- Pr. Gilberto F. Coelho

 

veja também