MENU

Aborto: Direito ou delito?

O aborto pode ser um direito constitucional, mas não deixa de ser um delito diante de Deus

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Sexta-feira, 30 Maio de 2014 as 9:51

abortoA sociedade contemporânea inclina-se a pensar que a gravidez pode ser interrompida sempre que a mãe não desejar mais ter o bebê. Há aqueles que são mais radicais e chegam a dizer que o feto não passa de uma verruga pestilenta que pode ser expelido sempre que produzir desconforto.

Perguntamos: é o embrião ou feto um ser ou uma verruga? Uma pessoa ou uma coisa? A vida começa na concepção. Davi fala que Deus o entreteceu no ventre de sua mãe e viu sua substância ainda informe.

O aborto pode ser um direito constitucional, mas não deixa de ser um delito diante de Deus. A vida é sagrada. É uma dádiva de Deus e só Deus tem poder para dar e autoridade para tirar a vida.

O ventre materno deve ser um refúgio e não um patíbulo. Deve ser um lugar de vida e não uma arena de morte. Deve ser o lugar mais protegido para o desenvolvimento da vida e não um paredão de fuzilamento.

É tempo de meditarmos sobre o valor da vida e sermos guiados pelos princípios de Deus, em vez de sermos instruídos por aqueles que escarnecem de Deus e sacrificam os inocentes.


- Hernandes Dias Lopes

veja também