MENU

A união do Brasil não pode ser em detrimento da verdade

Precisamos de um governo que, na qualidade de ministro (diácono) de Deus, tenha como firme propósito promover o bem e coibir o mal

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quinta-feira, 30 Outubro de 2014 as 2:43

protestoOuvi com vívido interesse o discurso da presidente re-eleita convocando o Brasil à união, depois dos destroços deixados por uma campanha sórdida e virulenta, como nunca antes se tinha visto na desde a redemocratização do Brasil.

Agora, precisamos mesmo reconstruir o Brasil e tentar unir o país que ficou fragmentado e ferido depois de tanto golpes. Porém, é impossível unir o Brasil sem o cimento da verdade. Não há unidade fora da verdade.

Os escândalos denunciados precisam ser apurados e os culpados responsabilidades (não importa o partido que esteja envolvido), como prometeu a presidente em sua campanha.

Precisamos resgatar a credibilidade em nossa classe política. Precisamos de um poder legislativo que não se venda. Precisamos de um poder judiciário com independência. Precisamos de uma sociedade que não venda seu voto por favores imediatos.

Precisamos de um imprensa livre que não seja amordaçada. Precisamos de uma igreja cristã íntegra e fiel que não negocie seus valores nem apostate de sua fé, mas tenha coragem de proclamar o evangelho e fazer ouvir sua voz .

Precisamos de um governo que, na qualidade de ministro (diácono) de Deus, tenha como firme propósito promover o bem e coibir o mal. Que Deus ajude o Brasil. Que todos nós, cristãos, nos unamos em oração pela nossa Pátria amada!


- Hernandes Dias Lopes

 

veja também