MENU

Jesus não veio nos apresentar uma nova religião

Desde a torre de Babel, o homem trabalha para alcançar os céus, mas a religião tem se mostrado incapaz de cumprir o que promete.

fonte: Guiame, Rina

Atualizado: Sexta-feira, 30 Setembro de 2016 as 12:10

Cena do filme "Paixão de Cristo". (Imagem: Youtube)
Cena do filme "Paixão de Cristo". (Imagem: Youtube)

Quando Deus revelou Jesus aos homens, o apontou como o único para quem devemos olhar, o único a quem devemos cultuar, o único a quem devemos ouvir, o único a quem devemos seguir.

A partir desses pressupostos; qualquer expectativa que se possa criar em torno da religião, será utópica.

Qualquer esperança criada em qualquer Deus, alem dEle, será frustrada. Qualquer oração feita, em qualquer nome que não seja o dele, será desperdiçada. Qualquer demonstração de fé, que não seja nele, será inútil.

A humanidade criou seus meios, métodos e caminhos para se buscar a Deus.

Desde a torre de Babel, o homem trabalha para alcançar os céus, mas a religião tem se mostrado incapaz de cumprir o que promete.

Enquanto o homem se esforça com seus ritos e cerimônias, Deus vem ao mundo em carne, em resposta a essa busca.

Jesus não veio nos apresentar uma nova religião, veio para tornar possível a conexão com Deus, para livrar o homem de seus pecados, para nos fazer verdadeiramente livres, inclusive livres da religião e de toda a sua ilusão.

 

*As opiniões aqui expressas são de exclusiva responsabilidade do autor do texto e não refletem necessariamente o posicionamento oficial do Portal Guiame

veja também