"Acreditar em alma gêmea não é bíblico”, diz pastor Mark Driscoll

O pastor explica que essa ideia vem do filósofo grego Platão, que acreditava que a alma humana foi rasgada em duas partes, uma fêmea e um macho e que eles foram encarregados de se encontrarem pela vida.

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Quarta-feira, 7 Dezembro de 2016 as 10:42

O pastor advertiu que não há "um casamento fácil". (Foto: Reprodução).
O pastor advertiu que não há "um casamento fácil". (Foto: Reprodução).

O pastor Mark Driscoll, da Trinity Church em Scottsdale, no Arizona (EUA), disse que acreditar que existe uma "alma gêmea" é algo não apenas antibíblico, mas também destrutivo e prejudicial para as pessoas solteiras.

Driscoll, que responde regularmente várias perguntas de seus leitores em mensagens de vídeo, abordou neste último sobre as preocupações de duas pessoas solteiras que se perguntavam onde se encontra na Bíblia, se Deus tem uma pessoa em mente para todos, quanto ao casamento.

O pastor disse que a origem do conceito de alma gêmea vem do filósofo grego Platão, que acreditava que a alma humana foi rasgada em duas partes, uma fêmea e um macho e que eles foram encarregados de se encontrarem pela vida.

"Este ensino falso e destrutivo está roubando a alegria de muitos relacionamentos", escreveu Driscoll em uma mensagem que acompanha sua resposta em vídeo. Ele insistiu que embora muitas pessoas estejam preocupadas em encontrar aquela pessoa escolhida, esquecem de lembrar de si mesmas como um todo, pessoa completa. A verdade é que este não é um pensamento cristão.

"O Senhor Jesus Cristo foi solteiro durante toda sua vida, e Ele não era metade de uma pessoa", disse Driscoll.

Direcionamento bíblico

Ele observou que em certas partes da Bíblia, Deus fala às pessoas sobre quem deve se casar, como, por exemplo, quando Deus diz a José para tomar Maria como sua esposa, permitindo que Jesus tenha um pai e uma mãe terrena, mas argumentou que tais casos eram mais para "fins proféticos".

"Deus dá diretrizes e sabedoria. Você deve encontrar alguém com quem você seja compatível, especialmente de forma espiritual", acrescentou.

"Encontre alguém com quem você possa construir uma vida", sugeriu o pastor, aconselhando que concordar com a Bíblia, ir à igreja e seguir Jesus são decisões importantes a serem tomadas.

Ele advertiu, no entanto, que não há "um casamento fácil", e disse que quando pessoas pecadoras estão envolvidas, sempre haverá conflito. O pastor disse que uma vez casado, "esse é o único, essa é a escolha de Deus para você". Ele admitiu que não pode dizer que há um "jogo perfeito para todos lá fora".

Driscoll advertiu que um perigo com o conceito de procurar a “alma gêmea” é que os solteiros se deixam paralisar pelo medo de perder ou de não encontrar essa pessoa. Em outubro, Driscoll observou em outro vídeo que ele continua recebendo inundações de perguntas sobre os temas de namoro cristão, intimidade e convivência, e deu conselhos sobre os limites físicos no namoro, viver juntos ou ter relações sexuais antes do casamento e como os cristãos mais velhos devem abordar namoro.

veja também