Desenvolva atitudes que demonstrem seu amor à família

Desenvolva a confiança: A confiança é um elo amoroso que guarda em si grande poder de transformação

fonte: familia.com.br

Atualizado: Sexta-feira, 4 Abril de 2014 as 1:13

FamíliaTodo mundo quer ser amado, quer sentir que é importante para alguém. O que muitos não perceberam ainda é que o amor que desejam receber é o mesmo que não doam. Para credenciar-se ao amor é imprescindível saber amar, por isso deveríamos nos preocupar muito mais em amar do que em ser amado, pois, de outra forma, invertemos causa e consequência.

Pensemos em formas de amor que certamente vão fazer de você uma pessoa capaz de amar e, consequentemente, de ser amada.

1- Ouça com atenção genuína: Você não conseguirá dar atenção ao que ouve se interromper continuamente quem está falando; também não ouvirá realmente se tira logo as suas próprias conclusões sem procurar entender o que realmente está sendo dito.

2- Fale de forma branda e clara: Você não precisa usar da violência para ser escutado, muito pelo contrário. A arte de se fazer escutar consiste em usar palavras brandas e de fácil entendimento.

3- Evite brigas: Procure resolver conflitos com discernimento e calma; fale sem acusar e esquive-se de críticas destrutivas, respeitando a maneira de o outro pensar e agir. Desentendimentos só ampliam a discórdia e o desamor.

4- Seja altruísta: Não poupe esforços no auxílio ao próximo e faça isso de forma totalmente desinteressada. Quando você pratica o bem, apenas por acreditar nele, faz surgir sentimentos puros e singelos que enlaçam as almas e provocam grande satisfação íntima.

5- Desenvolva a confiança: A confiança é um elo amoroso que guarda em si grande poder de transformação. Confiar em si mesmo e no outro provoca a responsabilidade de ser cada vez melhor e mais digno.

6- Perdoe incondicionalmente: O perdão é atributo das almas nobres, principalmente porque é uma atitude contrária ao orgulho e ao egoísmo. É preciso entender que a punição é competência da consciência de cada um e perdoar é livrar-se das mágoas e sentimentos destrutivos.

7- Seja autêntico e bem educado: O amor não convive com fingimento, ao contrário, amar exige uma postura genuína que provoque a identificação entre o sentimento e sua manifestação. Porém, jamais confunda sinceridade com falta de educação e respeito; observe o direito do outro.

8- Cultive a gentileza em palavras e atos: A gentileza aproxima os corações e conquista almas. Seja atencioso e gentil com as pessoas; a amabilidade faz com que nos tornemos mais humanos, flexíveis e tolerantes.

9- Aceite as pessoas como elas são: Tentar mudar as pessoas, desejando que elas sejam moldadas conforme a nossa vontade é intransigência e utopia. Cada pessoa é o que é e não nos cabe julgá-las. A intolerância é totalmente contrária ao amor.

10- Faça da oração a sua força para amar: A oração é fonte inesgotável de vigor espiritual que instiga a aquisição das virtudes que nos propiciam o aprendizado do amor. Ore pedindo discernimento e tenha humildade para acatar as respostas que soarão em sua alma.

Amar incondicionalmente é ainda um aprendizado que se faz urgente para a grande maioria da humanidade e é por isso que existe tanto desamor no mundo. É inadiável que nos dediquemos à conquista desse sentimento que nos aproxima de nossos semelhantes e nos liga ao Criador.


- Suely Buriasco

veja também