33 cristãos são condenados à morte na Coreia do Norte

33 cristãos são condenados à morte na Coreia do Norte

Atualizado: Sexta-feira, 14 Março de 2014 as 8:02

Coreia do NorteAcusados ??de tentar derrubar o regime por meio da criação de 500 igrejas subterrâneas, 33 cristãos norte-coreanos são condenados à morte, de acordo om o jornal sul-coreano Chosun Ilbo, que cita uma fonte não identificada.
 
Os cristãos são acusados por terem ligação com o missionário Kim Jung-wook, que foi detido em outubro por estabelecer igrejas subterrâneas no país.
 
Segundo o Chosun Ilbo, os cristãos serão executados em uma sala secreta do Departamento de Segurança do Estado.
 
O objetivo do líder do país, Kim Jong Un, de acordo com especialistas, é usar a execução de exemplo aos outros cristãos do país.
 
Alguns dos presos relataram terem sido informados de que "o regime entraria em colapso" caso fosse aberta uma igreja em Pyongyang, perto de onde está a estátua de Kim Il Sung, considerado o "fundador da nação". Porém, outros afirmam que a prisão é uma estratégia do governo para descobrir a localização de igrejas subterrâneas no país.
 
 
com informações da Portas Abertas
 

veja também