"Ajudar alguém necessitado sempre abre portas", diz missionário atuante no Nepal

Em entrevista exclusiva ao Guiame, o Lazrus Rasaily falou sobre o seu trabalho com estas crianças, a dura realidade por elas enfrentada e também o alinhamento de seu ministério musical com a visão missionária.

fonte: Guiame, João Neto

Atualizado: Terça-feira, 24 Março de 2015 as 7

Pastor Lazrus Rasaily trabalha atualmente prestando apoio financeiro e espiritual a crianças em situação de risco e suas respectivas famílias no Nepal.
Pastor Lazrus Rasaily trabalha atualmente prestando apoio financeiro e espiritual a crianças em situação de risco e suas respectivas famílias no Nepal.

"A falta de alimentos e necessidades básicas de qualquer outro tipo faz com que suas vidas se tornem amargas e provoca-os a se sentirem inseguros e inferiores". A declaração alarmante foi dada pelo pastor, músico e missionário nepalês Lazrus Rasaily, que falou sobre a realidade de crianças pobres e órfãs de seu país.

Atualmente trabalhando para apoiar crianças em situação de risco e também as famílias de muitas destas, Lazrus tem investido tempo, dinheiro e esforços na construção de um centro de apoio e evangelismo para estas pessoas.

Em entrevista exclusiva ao Guiame, o pastor falou sobre o seu trabalho com estas crianças, a dura realidade por elas enfrentada e também o alinhamento de seu ministério musical com a visão missionária.

Confira a entrevista na íntegra logo abaixo:

Portal Guiame: Nestes dias, você tem investido seus esforços em um ministério com crianças pobres e órfãs. Seria possível também alcançar as famílias destas crianças?

Pastor Lazrus Rasaily: Muitas crianças no Nepal vivem em situações disfuncionais graves, como o alcoolismo, nas quais suas famílias têm meios limitados de apoiar e educar seus filhos. As crianças nestes lares estão vulneráveis ​​a uma vida nas ruas. Uma educação para estas crianças não só permite-lhes que tenham esperança de um futuro melhor, mas também os mantém longe das ruas, onde eles podem cair no vício em drogas e também na atividade criminal. Começamos este ministério também para evitar que as famílias de baixa renda e monoparentais percam seus filhos, ajudando-os com os custos educacionais da criança e outras necessidades básicas, enquanto eles ainda vivem com os pais ou famílias. Apoiar e ajudar alguém em necessidade sempre abre a porta e cria uma oportunidade para que o nosso ministério se conecte com eles e compartilhe do evangelho de nosso Senhor Jesus. Nosso ato em si diz-lhes em voz alta o suficiente para aproximação daqueles que estão muito ansiosos para conhecer a Cristo na maioria das vezes. É assim que chegamos em suas famílias.

Guiame: Quais são os principais problemas encontrados na realidade dessas crianças que podem tornar este trabalho mais dificil?

Pastor Lazrus: Podemos listas os principais problemas abaixo:

Pobreza: A pobreza extrema é o principal obstáculo destas crianças. A falta de alimentos e necessidades básicas de qualquer outro tipo faz com que suas vidas se tornem amargas e provoca-os a se sentirem inseguros e inferiores. Elas nunca estão confiantes quando as oportunidades são dadas, mesmo que sejam muito talentosos até mesmo mais capazes do que os outros. Isso torna o nosso trabalho mais difícil.

Alcoolismo: Este vício faz parte da realidade de vida da maioria de seus pais ou responsáveis ​e também ​torna a vida destas crianças mais difícil e sem esperança.

Ambiente: Seus ambientes sociais que não lhes permitem que aprendam a ser boas crianças, suas situações e as circunstâncias são especialmente relacionados às suas finanças. Nós pagamos pela educação delas e outras despesas relacionadas, mas eles não têm qualquer outro acesso além da educação escolar. Esses tipos de situações sempre frustram uma criança em fase de crescimento, especialmente na adolescência. Quando eu falo sobre a necessidade, não é a necessidade de pessoas normais como nós, mas sim da necessidade básica de sobrevivência.

Basicamente, o que estou tentando dizer que a mensagem é: eles são privados de receber amor e carinho durante a infância, são privados de seus direitos. Isso frustra esses pequenos e eles não vão querer estudar se não não receberem um bom atendimento, orientação e supervisão espiritual.
 
Concluímos que todos estes pequenos que formam uma esmagadora realidade trouxeram uma nova visão ao meu coração e o moveu com força para abrir o Lar das Crianças e dar-lhes uma família, esperança e vida melhor em Cristo. Esta tem sido a minha oração por muitos anos e a também a visão do Ministério Levitas do Nepal.

Guiame: Como as pessoas interessadas poderiam ajudar este ministério. Quais são as principais necessidades neste projeto atualmente?

Pastor Lazrus: As pessoas interessadas poderão nos ajudar se nos entenderem e nos conhecerem melhor. O principal problema para nós agora é que não temos parcerias e contatos suficientes para compartilhar nossas visões ministeriais. A principal necessidade do projeto agora é o financiamento. Estamos à procura de apoiadores e patrocinadores que possam nos ajudar financeiramente. Temos de patrocinar 18 crianças agora e muitas outras em momentos de necessidade. Além disso, também apoiamos alguns estudantes de escolas bíblicas. Eventualmente estamos pagando e planejando inaugurar o Lar das Crianças, que envolve uma alta quantia em dinheiro e o compromisso dos patrocinadores também. O nosso projeto para construção da casa para o Lar das Crianças já está pronto. Estamos esperando em Deus por esta provisão.

Guiame: Nos primeiros dias de outubro de 2014, Sushil Koirala (autoridade política) fez uma promessa sobre a de que haveria mais liberdade religiosa no Nepal. Na sua opinião, até que ponto este promessa tem se cumprido?

As promessas sobre a liberdade religiosa sempre giraram em torno do perseguição ao cristianismo. Todas as outras religiões são aceitas e apoiadas pelo governo. A liberdade religiosa está agora em situação crítica para os cristãos. A situação política com relação à religião - especialmente o cristianismo - tem sido um grande desafio para o país. Os cristãos são livres para adorar, mas às vezes pode haver qualquer tipo de oposições no âmbito legal. Estamos prontos para a mudança.

Guiame: Além de seu projeto com crianças órfãs, você tem o seu ministério também como músico. Como este trabalho da sua banda se alinha com a sua visão missionária?

Pastor Lazrus: O nosso lema para o "Levites Ministries Nepal" é simplesmente: "O Nepal precisa de Jesus". O Ministério é composto de múltiplas visões e missões para alcançar a noiva [Igreja] do Nepal. Passando por todos os nossos ministérios, nosso objetivo final é o de ver o nome de nosso Senhor Jesus Cristo sendo glorificado e pregado por todo o Nepal, a terra de milhões de Ídolos. (Filipenses 2: 10-11). 

*Para saber mais sobre o pastor Lazrus Raisaly e seus projetos no Nepal, mande um email para [email protected] .

 

 

 

veja também