Após 7 anos, caso do assassinato de três cristãos turcos continua sem veredito

Centenas de fiéis turcos participaram dos cultos em memória aos três cristãos

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quinta-feira, 8 Maio de 2014 as 12:20

MalatyaDia 18 de abril completou 7 anos dos assassinatos dos cristãos Necati Aydin, Ugur Yuksel e Tilmann Geske em Malatya, na Turquia.

Centenas de fiéis turcos participaram dos cultos em memória, realizados nos túmulos de Ugur em Elazig e Tilmann, em Malatya.

A imprensa esteve no local e registrou o momento. Os cristãos turcos expressaram seus agradecimentos pelas mudanças de atitude em relação a eles em particular, com uma redução acentuada da inimizade contra eles e uma maior aceitação dentro da sociedade turca.

O desconforto da comunidade cristã turca é real diante do longo julgamento ainda sem veredito. Pior que isso é o fato de os cinco homens presos na cena do crime terem sido liberados.

Quatro dos réus estão com uma braçadeira eletrônica, e o outro deve se comunicar com a justiça diariamente ligando do telefone de sua casa. Após as alterações legais, um novo juiz e júri foram nomeados, e a próxima audiência está prevista para junho.

Apesar das frustrações com o processo judicial e a tristeza associada à morte dos três cristãos, houve uma atmosfera alegre na abertura de uma igreja em Malatya em sequência aos cultos memoriais. Os moradores locais se misturaram aos cristãos na abertura formal da igreja.

Pedidos de oração

Ore para que as famílias e os amigos dos cristãos assassinados tenham paz e reconheçam a presença de Jesus, especialmente no processo de julgamento.

Peça pela comunidade cristã em Malatya, para que continue sendo testemunha fiel.

Interceda pelo juiz e o júri recém-nomeados, para que eles entendam as complexidades do caso e ajam com justiça.

Clame para que todos aqueles que ajudaram ou perpetraram o assassinato tenham uma profunda convicção do erro que cometeram, e busquem o perdão de Jesus.

 

com informações da Portas Abertas

 

veja também