Atiradores matam 27 pessoas em praia turística da Tunísia

Ainda não há informações sobre as nacionalidades das pessoas mortas. Já que este é o mês sagrado do Ramadã, é provável que a maioria dos banhistas sejam turistas.

fonte: Guiame, com informações de Folha de São paulo

Atualizado: Sexta-feira, 26 Junho de 2015 as 11:05

Hotel Imperial Marhaba em Sousse, na Tunísia. (Pinterest/Riu Hotels and Resorts)
Hotel Imperial Marhaba em Sousse, na Tunísia. (Pinterest/Riu Hotels and Resorts)

 

Dois homens dispararam contra banhistas que estavam em uma praia próxima a dois hotéis na cidade de Sousse, na Tunísia, nesta sexta-feira (26). Ao menos 27 pessoas morreram, segundo informações do Ministério do Interior.

De acordo com o porta-voz Mohammed Ali Aroui, um dos atiradores foi morto, enquanto a polícia busca o outro.

Sousse, que fica a 150 km de Túnis, capital do país, é um local popular para tunisianos e europeus.

Ainda não há informações sobre as nacionalidades das pessoas mortas. Já que este é o mês sagrado do Ramadã, é provável que a maioria dos banhistas sejam turistas.

O turista britânico Gary Pine descreveu ter ouvido "o que pensou serem fogos de artifício", seguidos de uma explosão perto de um hotel. "Houve um êxodo em massa da praia", disse ao canal Sky News.

Pine também contou que seu filho viu uma pessoa ser atingida por um disparo. Ele relatou que o hotel onde estava hospedado instruiu os hóspedes a se trancar em seus quartos e, depois, a se juntar no lobby.

A Tunísia tem sido mais um dos alvos de ataques de militantes. Em março, dois tunisianos vindos da Líbia deixaram 22 mortos em um museu nacional.

veja também