Boko Haram ataca duas igrejas e mata mais de 30 pessoas em Camarões

O exército do país reagiu e matou mais de 100 combatentes

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quinta-feira, 30 Outubro de 2014 as 10:23

CamarõesNos dias 15 e 16 de outubro, duas igrejas foram queimadas e mais de 30 civis foram mortos pelo grupo Boko Haram em Camarões.

Os ataques do grupo radical islâmico foram nas idades fronteiriças de Amchide e Limani. Os ataques foram após a ação de 11 de outubro, quando cerca de 27 reféns sequestrados pelo Boko Haram em maio e julho foram libertados.

Edgar Alain Mebe Ngo'o, ministro da Defesa de Camarões, isse que membros do Boko Haram fortemente armados cruzaram a fronteira da Nigéria em veículos blindados e invadiram as aldeias. Segundo ele, os militares reagiram matando 107 combatentes no processo, enquanto oito soldados camaroneses morreram.

Camarões faz uma fronteira de 1.240 milhas com a Nigéria, local em que o grupo radical tem travado batalhas sangrentas.

Na última sexta-feira, 24 de outubro, o Boko Haram também matou dezenas de pessoas no estado nigeriano de Adamawa.


com informações da Portas Abertas

 

veja também