Com envio de casal de missionários à Colômbia, MAIS quer instalar e regularizar base no país

"Ore por esta nova base, por nossos missionários brasileiros e nativos"

fonte: Guiame, com informações da MAIS

Atualizado: Quarta-feira, 16 Setembro de 2015 as 4:57

Colômbia
Colômbia

O projeto piloto da Missão em Apoio à Igreja Sofredora (MAIS) na Colômbia, iniciado em 2014, finalmente ganhou continuidade.

Um casal de missionários foi enviado ao país para, em parceria com as igrejas locais, iniciar o treinamento de desenvolvimento comunitário visando ampliar o programa de microcrédito na zona rural do país.

A equipe da MAIS está viabilizando a regularização da base da organização na Colômbia, que está entre os três países no mundo com a maior população de deslocados internos.

De acordo com dados da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), das seis milhões de pessoas expulsas de suas terras, aproximadamente um milhão é formada por cristãos.

"São muitos os desafios neste país que é vizinho do Brasil, mas somos membros de um mesmo Corpo, chamados para fortalecer um ao outro. Ore por esta nova base, por nossos missionários brasileiros e nativos, pelo processo de legalização de nossa base e por todas as ações e projetos que iremos realizar no país", diz a MAIS.

 

veja também