Comandante aliado ao Estado Islâmico morre em ataque da aviação afegã

A morte de Hafiz Waheed foi confirmada pelo ministério da Defesa do Afeganistão

fonte: Guiame, com informações da France Presse/G1

Atualizado: Segunda-feira, 16 Março de 2015 as 10:21

Jihadistas do grupo terrorista Estado Islâmico
Jihadistas do grupo terrorista Estado Islâmico

O ministério da Defesa do Afeganistão anunciou que Hafiz Waheed, comandante afegão suspeito de integrar o Estado Islâmico, morreu domingo (15).

Waheed era o sobrinho e sucessor do mulá Abdul Rauf Jadim, que um ataque com drone da Otan matou no início de fevereiro, de acordo com o governo.

O comunicado diz que o comandante morreu em um bombardeio da aviação afegã no distrito de Sangin, ao lado de nove de seus homens.

"Hafiz Waheed dirigia um grupo do EI em Helmand desde a morte de Abdul Rauf Jadim", declarou à AFP Zamin Ali, comandante do Estado-Maior desta província.

O Estado Islâmico não confirmou a informação de que Abdul Rauf Jadim era mesmo um de seus representantes na região.


.

veja também