Domingo da Igreja Perseguida acontece no dia 25 de maio

Enquanto alguns cristãos vivem a liberdade do cristianismo, outros enfrentam hostilidade e perseguição religiosa pelo simples fato de seguir a Cristo

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quarta-feira, 7 Maio de 2014 as 12:07

Domingo da igreja Perseguida

Há 26 anos, a Portas Abertas realiza o DIP – Domingo da Igreja Perseguida, evento que tem o objetivo de engajar a Igreja brasileira na causa dos cristãos perseguidos por amar a Jesus.

Enquanto alguns cristãos vivem a liberdade do cristianismo, outros enfrentam hostilidade e perseguição religiosa pelo simples fato de seguir a Cristo. Essa intolerância vêm de várias fontes: governo, sociedade e até mesmo da família. Por causa de sua fé, esses irmãos enfrentam encarceramento, agressões físicas e psicológicas, ameaças, perda de emprego ou até a morte.

Foi o Irmão André, fundador da Portas Abertas, que criou o Domingo da Igreja Perseguida, em 1987.

A data da mobilização é marcada no domingo, logo após Pentecostes. Este critério foi adotado porque o relato bíblico de Atos 4 marca o início da perseguição aos cristãos logo após a descida do Espírito Santo, com a prisão de Pedro e João. Simbolicamente, portanto, podemos dizer que esta foi a “fundação” da Igreja Perseguida.

Em 2014, excepcionalmente, o DIP será realizado no dia 25 de maio por conta da Copa do Mundo.

Em 2013, o projeto teve o envolvimento de 5.021 organizadores e igrejas brasileiras que se comprometeram a orar e socorrer a Igreja Perseguida, fazendo a diferença.

Faça parte do DIP! Se envolva com o projeto e ore pelos cristãos que sofrem por não ter a mesma liberdade que nós temos.

Para mais informações, acesse:


com informações do DIP / Portas Abertas

 

veja também