Em novo vídeo do Estado Islâmico, garoto de 10 anos executa espiões russos

"No futuro, vou ser um dos que matam infiéis. Serei um jihadista", afirma o garoto

fonte: Guiame, com informações do Terra

Atualizado: Terça-feira, 13 Janeiro de 2015 as 3:43

Garoto ao lado de jihadista
Garoto ao lado de jihadista

Nesta terça-feira, 13 de janeiro, o Estado Islâmico divulgou um vídeo em que um garoto aparece executando dois espiões russos.

Produzida por uma entidade denominada 'Alhayat Media Center', a gravação diz que os agentes Mamayev Yesenjanovich e Ashimov Sergey Nikolayavich foram "inimigos" capturados depois que "Alá desgraçou seus esforços e aniquilou seus planos".

"Minha missão era vir para Sham e me aproximar do Estado Islâmico, além de pegar informações sobre soldados russos e mandar dados deles para a Rússia", disse Mamayat, um dos espiões.

Sergey, o outro espião, também fala de sua função. "Fui enviado para conseguir informações sobre os soldados em Sham e determinar o lugar onde mora um líder do Estado Islâmico. Eu recebia dinheiro na minha conta bancária sobre todas as informações que eu mandava. Era muçulmano antes disso. Depois virei um apóstata"

Um soldado adulto lê um trecho do Corão e depois afirma que eles não terão clemência com os espiões. Depois disso, o garoto atira nos dois espiões e diz "No futuro, vou ser um dos que matam infiéis. Serei um jihadista".

 

veja também