Fatos que você precisa saber sobre Asia Bibi, a cristã condenada à morte no Paquistão

Fontes jurídicas disseram à agência de notícias World Watch Monitor que os juízes envolvidos não estavam dispostos a tomar qualquer decisão favorável sobre o caso por medo de retaliação por parte de grupos extremistas

fonte: Portas Abertas

Atualizado: Terça-feira, 28 Outubro de 2014 as 12:54

Asia BibiNos últimos dias, você com certeza ouviu falar de Asia Bibi, a cristã paquistanesa que se tornou a primeira mulher a ser condenada à morte sob as leis de blasfêmia do Paquistão. A seguir, confira algumas informações para que você entenda o caso e possa orar por ela:

. Asia foi condenada à pena de morte por enforcamento em 2010, após ela supostamente fazer comentários negativos sobre o Profeta Maomé, enquanto discutia com uma mulher muçulmana.

. Essa mulher muçulmana e sua irmã foram as duas únicas testemunhas do caso.

. Asia Bibi tem 50 anos e é mãe de 5 filhos.

. Ela já passou cinco anos na prisão, após ser presa em 2009.

. Salman Taseer, muçulmano liberal, ex-governador da província de Punjab, foi assassinado por seu guarda pessoal, porque agiu em defesa da causa de Asia Bibi. Shahbaz Bhatti, ministro federal e único cristão no gabinete paquistanês, foi morto por se opor à lei da blasfêmia que condenou Asia.

. Fontes jurídicas disseram à agência de notícias World Watch Monitor que os juízes envolvidos não estavam dispostos a tomar qualquer decisão favorável sobre o caso por medo de retaliação por parte de grupos extremistas.

. O advogado de Asia, Naeem Shakir, citou o Código Penal do Paquistão em sua defesa: "A argumentação levantada é que qualquer desrespeito ou uso de comentários depreciativos em relação ao Profeta Maomé são restritos à lei islâmica e a punição de morte colocada no Alcorão não deve ser alterada.” Segundo ele, se esse ponto fosse levado em consideração, o julgamento de Asia deveria ser declarado ilegal.

. Desde que foi presa, o marido e os filhos de Asia tiveram de se esconder diversas vezes, fugindo de retaliações de extremistas islâmicos.

. Em dezembro de 2010, um clérigo islâmico proeminente no Paquistão ofereceu meio milhão de rúpias paquistanesas (cerca de 12 mil reais) para quem conseguisse matar Asia Bibi.

. O advogado da cristã irá apresentar um último apelo à Suprema Corte do Paquistão em 30 dias.

Junte-se a Portas Abertas em oração por Asia Bibi. Peça ao Senhor para que a sua vontade seja feita. Ore para que o seu testemunho traga muitas pessoas à fé em Jesus.

 

veja também