Foto registra parto de mulher fora do hospital após tremor no Nepal

Maya Tamang, uma jovem de 20 anos, deu à luz uma menina num local provisório para atendimento de pacientes do lado de fora do Hospital de Bhaktapur, no Nepal, poucas horas depois do novo tremor que causou mortes e pânico no país.

fonte: Guiame, com informações de G1

Atualizado: Quarta-feira, 13 Maio de 2015 as 10:03

Maya Tamang deu à luz uma menina do lado de fora de um Hospital, poucas horas depois do novo tremor no Nepal. (Athit Perawongmetha/ Reuters)
Maya Tamang deu à luz uma menina do lado de fora de um Hospital, poucas horas depois do novo tremor no Nepal. (Athit Perawongmetha/ Reuters)

 

Maya Tamang, uma jovem de 20 anos, deu à luz uma menina num local provisório para atendimento de pacientes do lado de fora do Hospital de Bhaktapur, no Nepal, poucas horas depois do novo tremor que causou mortes e pânico no país. 

Um novo terremoto de magnitude 7.3 atingiu o Nepal nesta terça-feira (12), deixando 41 mortos e 1.066 feridos. Prédios e estruturas que já estavam danificadas pelo terremoto de 25 de abril, que matou 8 mil pessoas no país, foram completamente destruídas.

O epicentro aconteceu 68 km a oeste da cidade de Namche Bazaar, perto do Monte Everest e da fronteira com o Tibet, segundo o Serviço Geológico dos EUA. O terremoto pôde ser sentido no norte da Índia e em Bangladesh.

Prédios também chegaram a estremecer em Nova Délhi (Índia), levando funcionários de escritórios a saírem para as ruas.

Um grupo intergovernamental chamado "OIM" já havia mobilizado equipes de apoio para Chautara após o devastador terremoto de 25 de abril - que afetou um total de 8 milhões de pessoas. A cidade é a capital do distrito de Sindhupalchowk e sofreu com o maior número de mortos no tremor de magnitude 7,8 - que chegou a ser considerado o pior dos últimos 80 anos na história do Nepal.

veja também