Jovem cria programa que conecta pacientes a médicos de outros países via SMS

Josh Nesbit mudou a realidade de milhares de pessoas que ainda não tinham fácil acesso à saúde

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Segunda-feira, 15 Dezembro de 2014 as 10:59

Medic MobileCom a certeza da vocação para a medicina, Josh Nesbit ingressou na Universidade de Stanford, mas a experiência que começou a mudar seu objetivo foi ao viajar para o interior do Malawi, sudeste da África.

Na área rural da região, o norte-americano ficou indignado ao conhecer pessoas que precisavam caminhar por 80 ou mais quilômetros para poder ter uma consulta médica.

Outra percepção de Josh foi que o celular pegava tão bem na região quanto na Califórnia. E foi aí que surgiu a Medic Mobile.

Trata-se de uma organização sem fins lucrativos que conecta pacientes de regiões pobres a médicos de países desenvolvidos através de mensagens de texto.

Os profissionais podem explicar sintomas, estudar diagnósticos, transmitir receitas médicas e acompanhar o tratamento de centenas de pessoas necessitadas apenas trocando SMS's.

A ferramenta foi testada inicialmente no Hospital Saint Gabriel, no próprio Malawi, no ano de 2010. Em seis meses de programa-piloto, foram economizadas 1200 horas de trabalho dos funcionários, 3 mil dólares com o combustível que era usado nos deslocamentos e mais de 100 pacientes tiveram sintomas de tuberculose identificados através do sistema.

Atualmente, 21 países da África, América Latina e Ásia estão conectados a quase 8 mil profissionais da saúde através da Medic Mobile.

Medic Mobile

Medic Mobile

Medic Mobile

Medic Mobile

Medic Mobile

 

com informações de Hypeness

veja também