Mais de 7 mil crianças em condições precárias são apadrinhadas por estudantes cristãos

A ação aconteceu durante a conferência Compassion, nos Estados Unidos.

fonte: Guiame, com informações do site Hello Christian

Atualizado: Segunda-feira, 9 Janeiro de 2017 as 11:49

Segundo informações da Compassion, podem haver mais de 7 mil apadrinhamentos. (Foto: Divulgação).
Segundo informações da Compassion, podem haver mais de 7 mil apadrinhamentos. (Foto: Divulgação).

Na semana passada, mais de 50 mil estudantes se reuniram na “Passion”, uma conferência cristã que acontece todo ano nos Estados Unidos. Como nas outras edições, eles louvaram, assistiram pregações em Atlanta, Geórgia, mas também fizeram algo inesperado: apadrinharam 7 mil crianças de vários locais do mundo por meio da organização internacional “Compassion”. As informações são da CBN.

"Acreditamos que a adoração e a justiça são dois lados da mesma moeda. Os jovens querem impactar o mundo com justiça, compaixão e o nome salvífico de Jesus", diz um post publicado na página da conferência.

"Nós nos propusemos a fazer história na Passion 2017 e ficamos deslumbrados quando os participantes apadrinharam 7 mil crianças", continua a publicação.

"Todas as crianças na lista de espera da Compassion em El Salvador, Ruanda, Tanzânia e Indonésia já foram patrocinadas por causa desse encontro de pessoas cristãs", ressalta o post, observando que a equipe também espera poder cobrir todas as crianças da Bolívia.

Segundo informações da Compassion, podem haver mais de 7 mil apadrinhamentos, pois ainda estão conferindo os jovens que se promoveram para cuidar das pequenas vidas. O esforço foi tão bem sucedido que todas as listas de espera de crianças foram esgotadas. A conferência ainda incentiva a outras pessoas a apadrinhem crianças pelo site.

Como tudo começou?

Desde o seu início em 1995, a Conferência Passion tem uma missão singular – convidar estudantes de todo o país e de todo o mundo para viver o que mais importa. “E o que mais importa é o nome e a fama de Jesus. Acreditamos nesta geração e estamos observando Deus usá-los para mudar o clima de fé ao redor do globo”, diz o site da conferência.

“Desde a primeira reunião em 1997, a Passion teve o privilégio de encontrar milhões de estudantes e de 18 a 25 anos. Um mar de jovens cujas vidas foram transformadas pelo poder do Espírito Santo”, ressalta.

A conferência Passion teve início quando o pastor Louie Giglio começou a dar estudos bíblicos semanais na Igreja Passion City, em Atlanta, Geórgia. Ele tinha acabado de terminar o seminário. O estudo cresceu rapidamente e se tornou em um grande e popular encontro.

Mudança que gerou efeitos

Louie e sua esposa deixaram o Texas e se mudaram para Atlanta devido a uma doença familiar. Durante o vôo de mudança, Louie orou e perguntou a Deus qual era o plano para sua vida. Dois anos depois, ele teve a resposta: um encontro nacional de estudantes universitários cristãos chamado “Passion”.

A primeira conferência aconteceu em Austin, Texas, e nas duas décadas desde que se tornou massivamente global, com conferências doando milhões para causas, como a luta contra o tráfico sexual e um hospital na Síria.

veja também