"Meu destino está nas mãos de Deus", diz a sudanesa Meriam

Cristã sudanesa refugia-se na embaixada norte-americana no Sudão

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Segunda-feira, 30 Junho de 2014 as 4:26

MeriamA história de Meriam Yehya Ibrahim Ishag virou uma novela após a sequência de prisão e liberdade, prisão e liberdade.

Após ter sido detida no aeroporto de Cartum, no Sudão, e libertada pela última vez, a sudanesa buscou refúgio na embaixada norte-americana no país.

Em entrevista à BBC Mundo, Meriam gradeceu ao povo sudanês, à polícia de Sudão e também ao tribunal pela sua libertação. Questionada sobre seus planos, disse: "Meu destino está nas mãos de Deus".

Ela também afirmou que que não teve a chance de ver a família depois de sair da prisão.

Acredita-se que marido e os dois filhos também estejam na Embaixada, informou o correspondente da BBC Mohamed Osman, em Cartum. Eles haviam sido detidos no aeroporto com Meriam, mas foram liberados.


com informações da bbc.co.uk

 

veja também