Militante do Estado Islâmico se converte depois de sonhar com Jesus

"Ele disse ao líder da JOCUM que começou a ter sonhos com um homem de branco que dizia: 'Vocês estão matando meu povo'. Ele começou a se sentir muito mal e inquieto sobre o que estava fazendo", relatou Fadely.

fonte: Guiame, com informações de Christian Today

Atualizado: Quarta-feira, 10 Junho de 2015 as 8:05

Um militante do grupo terrorista Estado Islâmico confessou a um missionário do JOCUM que começou a sonhar com Jesus.
Um militante do grupo terrorista Estado Islâmico confessou a um missionário do JOCUM que começou a sonhar com Jesus.

 

Depois de matar muitos cristãos, um militante do grupo terrorista Estado Islâmico confessou a um missionário do JOCUM que começou a sonhar com Jesus. O fato foi relatado em uma rádio americana por Gina Fadely, que era diretora da organização.

"Ele [o militante] disse a esse líder da JOCUM que ele começou a ter sonhos com um homem de branco que dizia: 'Vocês estão matando meu povo'. Ele começou a se sentir muito mal e inquieto sobre o que estava fazendo", relatou Fadely.

Ela acrescentou que o militante pegou a Bíblia de um homem cristão que estava prestes a ser morto, e começou a ler. "Em outro sonho, Jesus pediu para que ele se tornasse um seguidor de Cristo para ser discipulado", disse Fadely. "Então, quem sabe, talvez este homem seja como Saulo na Bíblia, que perseguia a igreja primitiva e em seguida se tornou o apóstolo Paulo, que a conduziu".

Kevin Sutter, atual presidente da JOCUM, disse que havia uma lição a ser aprendida: os militantes do EI não estão "fora do alcance do espírito de Deus".

De acordo com Sutter, um colega no Oriente Médio contou que nunca viu uma fome espiritual entre os povos muçulmanos como está vendo agora. "Este é sem precedentes, isso nunca aconteceu na história", acrescentou. "Ele disse que há programas evangélicos em árabe exibidos em toda a região, por meio de rádio e TV".

veja também