No Brasil, regra que facilita vistos a refugiados sírios é prorrogada

Medida faz menos exigência aos sírios para a concessão do visto

fonte: Guiame, com informações da Folha de S.Paulo

Atualizado: Terça-feira, 22 Setembro de 2015 as 5:11

Refugiados sírios
Refugiados sírios

Em 2013, uma regra que flexibiliza o ingresso de sírios no Brasil foi criada. Nesta segunda-feira (21), o Conare (Comitê Nacional para Refugiados) decidiu, por unanimidade no grupo, prorrogar essa flexibilização.

A medida é uma resposta do governo brasileiro à crise de refugiados na Europa, que tem atraído milhões de pessoas, principalmente sírios.

Com a facilitação, os sírios que têm interesse em obter o visto não precisam comprovar emprego fixo sem seu país, condições financeiras de vir, ou compra de passagens de volta.

Beto Vasconcelos, presidente do Conare, destaca que a decisão foi necessária diante do "agravamento da situação humanitária'.

Bem como a primeira resolução, não foi fixado um limite máximo de vistos concedidos pelos postos diplomáticos. Sabe-se que os sírios passaram a ser a principal nacionalidade entre os refugiados no país.

O presidente do Conare destaca que há diferentes motivos de vinda entre os refugiados e que ainda podem chegar muito mais. "Eles não solicitaram refúgio, podem não ter embarcado para cá porque embarcaram para outros lugares do mundo ou ainda podem não ter conseguido embarcar para o Brasil"

Aqui no Brasil, a Missão em Apoio à Igreja Sofredora (MAIS), tem mantido um trabalho para acolher refugiados sírios, em parceria com igrejas locais. Conheça o trabalho.

veja também