No Butão, pastor Tandin Wangyal paga multa e recebe liberdade

Preso em março de 2014, pastor já está livre

fonte: Guiame, com informações da Portas Abertas

Atualizado: Quarta-feira, 25 Março de 2015 as 2:07

Pastor Tandin
Pastor Tandin

Acusado de apresentar um filme para o público em uma reunião evangélica sem permissão e solicitar doações ilegalmente, o pastor Tandin Wangyal foi preso no Butão.

Agora o processo do pastor foi finalmente concluído e após pagar uma multa ele já está livre.

Em novembro de 2014, durante uma audiência no tribunal, Tandin usou a Bíblia para finalizar sua apelação. "Eu pude compartilhar meu testemunho também, e enfatizar que os cristãos no Butão oram pela nação e por Druk Gyalpo [monarca butanês]", disse ele.


.

 

veja também