No Sudão, dois líderes da Igreja Presbiteriana são presos sem motivo

No Sudão, dois líderes da Igreja Presbiteriana são presos sem motivo

Atualizado: Segunda-feira, 24 Fevereiro de 2014 as 4

SudãoNa semana passada, dois membros da Igreja Presbiteriana no Sudão do Sul, Reverendo Idris Joshua e o Pastor David Gayin, foram presos em suas casas pelas forças de segurança. Eles estão incomunicáveis, sem acesso a um advogado ou família, e correm risco de serem torturados ou sofrerem outros tipos de abusos.
 
A porta da casa do Reverendo Joshua foi arrombada pelo guardas que, segundo testemunhas, atiraram três vezes para o alto antes de prendê-lo e levá-lo com eles. Os guardas também confiscaram alguns pertences da família.
 
No mesmo dia, as forças de segurança fizeram o mesmo na casa do pastor Gayin e o prenderam.
 
Apesar da violência e das prisões, nenhuma justificativa foi dada às famílias dos dois.
 
Pedidos de oração
• Ore pela liberdade religiosa no Sudão do Sul e para que a Igreja cresça cada vez mais nesse país.
• Interceda pela vida dos pastores que estão presos no país, para que perseverem na fé e consigam recuperar a sua liberdade.
 
 
com informações da Portas Abertas
Domingo da Igreja Perseguida (DIP)
 

veja também