Pastor butanês tem audiência final adiada

"Nós não somos contra o nosso rei, país e povo", disse Tandin diante do Tribunal Samtse

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quarta-feira, 12 Novembro de 2014 as 10:01

TandinA audiência do pastor butanês Tandin Wangyal, estava agendada para o dia 6 de novembro, mas foi adiada para o dia 17 ou 18 do mesmo mês.

Com mais tempo para que o advogado se prepare, essa será a última chance de contestar, por escrito, perante o juiz, a sentença que o condenou à prisão.

O pastor é acusado de exibir um filme para o público sem autorização e solicitação ilegal de fundos.

Perante o Tribunal Samtse, Tandin disse que os cristãos do Butão estavam orando pelos líderes nação. "Nossa escritura suprema, a Bíblia Sagrada, diz claramente em 1Timóteo 2.2 que devemos orar por nossos governantes, reis e autoridades. odo cristão no Butão, independente de sua origem social, mantém você [o juiz] em oração. Nós não somos contra o nosso rei, país e povo", disse ele.

"A Bíblia também diz em Romanos 13.1, que devemos nos submeter às autoridades. Cristãos butaneses cumprem esse mandamento", continuou o pastor, afirmando estar pronto para dar a vida por seu país.


com informações da Portas Abertas

 

veja também