Roberto de Lucena propõe cruzada de oração em favor da Igreja Perseguida e do Povo da Cruz

Em vídeo, o pastor lamenta as barbáries do grupo jihadista: "Como cristão, minha postura é de oração"

fonte: Guiame

Atualizado: Terça-feira, 24 Fevereiro de 2015 as 12:53

Roberto de Lucena
Roberto de Lucena

Roberto de Lucena, além de pastor, é o atual secretário se Turismo do Estado de São Paulo e também é um dos representantes brasileiros na coalização global de líderes parlamentares que lutam pela liberdade religiosa.

Em vídeo, Lucena comenta a barbárie cometida pelo Estado Islâmico aos 21 cristãos egípcios que foram decapitados neste mês de fevereiro. "Nenhum de nós vai se esquecer das imagens divulgadas no dia 15 de fevereiro", diz ele.

O pastor destaca a legenda 'O povo da cruz', que aparece no vídeo da execução divulgado pelo grupo jihadista. "Eu também faço parte do povo da cruz", exclama Lucena, "são meus irmãos cristãos sendo mortos e enterrados no Oriente e na África."

Roberto de Lucena lamenta o fato de não ver uma postura firme do governo brasileiro contra as ações do Estado Islâmico, como têm feito outras nações formando uma grande coalizão.

"Como cristão, minha postura é de oração", frisa o pastor. Lucena chama toda a Igreja para iniciar uma cruzada de 40 dias de oração, a partir de 1º de março, pela igreja perseguida e pelo povo da cruz que está sendo eliminado.

Confira o vídeo completo abaixo.

 

 

.

veja também