9 declarações anti-bíblicas que são aceitas por muitos cristãos

Frases como "Todos Adoramos o mesmo Deus" ou "Somos todos filhos de Deus" são apenas algumas das frases ditas pelo povo e que têm sido adotadas como verdades por muitos cristãos. Mas o que a Bíblia diz sobre elas?

fonte: Guiame, Shane Pruitt (Christian Post)

Atualizado: Terça-feira, 8 Março de 2016 as 4:55

O que a Bíblia diz de fato sobre ditos populares que são frequentemente replicados até mesmo dentro das igrejas? (Imagem: Reprodução)
O que a Bíblia diz de fato sobre ditos populares que são frequentemente replicados até mesmo dentro das igrejas? (Imagem: Reprodução)

Um dos maiores presentes que Deus deu à humanidade foi a Bíblia Sagrada, porque a Bíblia é literalmente Deus revelando-se e comunicando-se com a humanidade na palavra escrita. Qualquer coisa e tudo o que sabemos sobre Deus vem dessas Sagradas Escrituras e contêm a totalidade do que nós precisamos saber sobre como nos tornarmos cristãos, e tudo o que precisamos saber sobre viver a vida cristã.

O Cristianismo Ortodoxo ensina que a Bíblia foi inspirada e é de autoria do Espírito Santo de Deus, por meio de instrumentos humanos. Ele também acredita que os escritos originais - hebraico, grego e aramaico - são sem erros ou falhas.

No entanto, existem muitas coisas existentes na tentativa de seguir a Jesus, no curso igreja, que os cristãos acreditam, mas que são completamente anti-bíblicas. Mas como isso é possível?

Muitas vezes, vamos ouvir alguém citar uma declaração que soa como algo bom para nós, e vamos começar a repetí-la como se fosse uma verdade bíblica, sem nunca pesquisá-la nas Escrituras. Várias dessas declarações anti-bíblicas ganharam força suficiente para que muitas pessoas acreditassem que elas são realmente versículos bíblicos. As declarações não estão apenas fora da Bíblia, mas também a maioria delas ensina exatamente o oposto do que a Bíblia ensina.

Aqui está uma lista de nove declarações anti-bíblicas populares que muitos cristãos tendem a acreditar:

1. "Deus ajuda àqueles que se ajudam"

Esta declaração é, na verdade um 'anti-Evangelho'. Autoconfiança e autojustiça, ou a atitude de tentar mais e fazer melhor, na verdade, fica no caminho da obra de Deus.

Jesus salva aqueles que morrem para si mesmos:

"Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me (Mateus 16:24)".

2. "Deus quer que eu seja feliz"

É uma crença comum, o pensamento de que Deus existe para ser nosso "gênio da lâmpada pessoal", sempre à disposição para realizar todos os nossos desejos. É incrível como justificamos nossas ações pecaminosas, dizendo: "Deus só quer que eu seja feliz".

A felicidade está ligada a sentimentos e emoções que são muitas vezes baseadas em circunstâncias e estes mudam o tempo todo. Deus quer que sejamos obedientes a Ele, confiantes nEle, e que saibamos que tudo o que Ele faz é para o nosso bem, mesmo que não nos sintamos "felizes" naquele momento.

"E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito" (Romanos 8:28).

3. "Nós somos todos filhos de Deus"

Embora, Deus tenha criado todos os seres humanos ... nem todo mundo pertence relacionalmente a Ele.

Somente aqueles que se arrependeram do pecado, colocaram sua fé em Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador, e possuem o Espírito Santo de Deus dentro deles podem afirmá-Lo como seu Pai:

"[...] Mas recebestes o Espírito de adoção de filhos, pelo qual clamamos: Aba, Pai. O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus (Romanos 8: 15b - 16)"!

No entanto, aqueles que não têm Jesus como seu Salvador, nem têm o Espírito Santo de Deus dentro deles, na verdade, pertencem a Satanás:

"E vos vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados, Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência" (Efésios 2:1-2).

"Nisto são manifestos os filhos de Deus, e os filhos do diabo. Qualquer que não pratica a justiça, e não ama a seu irmão, não é de Deus" (1 João 3:10).

4. "Estar limpo é estar perto de Deus".

As pessoas ao seu redor podem gostar de você esteja limpo, mas isto não está nas Escrituras. Os pais podem usar esta afirmação anti-bíblica para motivar seus filhos a limpar seus quartos. No entanto, eu sugiro usar uma instrução bíblica real:

"Honra teu pai e tua mãe, para que seus dias se prolonguem na terra que o Senhor, teu Deus, te dá" (Êxodo 20:12).

5. "Deus não vai lhe dar mais do que você possa suportar"

Na verdade, toda a vida é mais do que podemos suportar. O ponto de viver em um mundo decaído não é para que nós tentemos realmente levar a nossa pesado fardo sozinhos, mas sim desistir, sair e entregar a Deus, é nisso que se baseia a fé.

Tudo é mais do que eu posso suportar, mas não mais do que Jesus possa suportar:

"Porque não queremos, irmãos, que ignoreis a tribulação que nos sobreveio na Ásia, pois que fomos sobremaneira agravados mais do que podíamos suportar, de modo tal que até da vida desesperamos" (2 Coríntios 1: 8).

"Vinde a mim, todos os que estais cansados ​​e sobrecarregados e eu vos aliviarei" (Mateus 11:28).

6. "Todos nós adoramos o mesmo Deus".

Sim, há apenas um Deus vivo e verdadeiro:

"Por isso hoje saberás, e refletirás no teu coração, que só o Senhor é Deus, em cima no céu e em baixo na terra; nenhum outro há" (Deuteronômio 04:39).

No entanto, ele só aceita a adoração que vem por meio de Jesus Cristo, e não por Maomé, Buda, Joseph Smith, etc.

"E não há salvação em nenhum outro, pois não há outro nome debaixo do céu dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos" (Atos 4:12).

7. "As coisas más acontecem a pessoas boas"

Muitas vezes nos colocamos no banco de julgamento do que é bom e ruim. A forma mais popular para fazer esse julgamento é por comparação. Por exemplo, Bob é um cara bom, porque ele não é tão mau como Sam.

No entanto, de acordo com a Bíblia, estamos todos em igualdade de terreno, porque nenhum de nós é inerentemente bom:

Como está escrito: "Não há um justo sequer" (Romanos 3:10).

8. "Quando você morrer, se tornará um anjo no céu"

Claro e simples. Os seres humanos são seres humanos, e os anjos são anjos. Isto continua a ser assim, mesmo na eternidade.

Na verdade, os anjos também são usados na interação entre Deus e Seus seres humanos:

"Aos quais foi revelado que, não para si mesmos, mas para nós, eles ministravam estas coisas que agora vos foram anunciadas por aqueles que, pelo Espírito Santo enviado do céu, vos pregaram o evangelho; para as quais coisas os anjos desejam bem atentar" (1 Pedro 1:12).

9. "Estamos todos destinados ao mesmo lugar quando morrermos.

Há dois destinos possíveis quando morremos: Céu ou inferno.

No entanto, apenas aqueles que estão em Cristo estarão com Ele por toda a eternidade, quando morrerem fisicamente:

"Jesus disse-lhe: 'Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim (João 14: 6)".

O fato de que muitos de nós, cristãos, acreditamos nestas declarações que não são bíblicas, infelizmente mostra o nosso analfabetismo bíblico de forma geral.

Em vez de engolir demonstrações populares e jargões, que possamos ser como os bereanos no Livro de Atos. Quando ouviram Paulo pregar, eles queriam pesquisar as próprias Escrituras para autenticar o que ele estava dizendo:

"E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus.
Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim". (Atos 17:10-11)

Quais são algumas das declarações mais anti-bíblicas que você já ouviu sendo ditas por cristãos? Sinta-se livre para adicionar a esta lista, comentando abaixo!

veja também