Antônio C. Costa sobre os resultados com seu novo livro: "Estão descobrindo que o cristianismo não é ópio do povo"

"Comove saber o que Deus está fazendo no Brasil por intermédio do 'Convulsão Protestante'", afirmou

fonte: Guiame

Atualizado: Segunda-feira, 3 Agosto de 2015 as 4:14

Antônio Carlos Costa
Antônio Carlos Costa

Com menos de dois meses do lançamento do livro 'Convulsão Protestante', o pastor Antônio Carlos Costa comemora os bons resultados que têm visto por onde passa.

Em uma publicação em seu perfil no Facebook, ele escreveu sobre o amor que está voltando a regular a missão da Igreja. "Comove saber o que Deus está fazendo no Brasil por intermédio do 'Convulsão Protestante'", afirmou.

Confira o texto na íntegra:

"Jovens das mais diferentes regiões e denominações estão descobrindo o cristianismo das Escrituras -aquele no qual o amor é o princípio regulador da missão da igreja-; amor simétrico, pleno, cuja meta é viabilizar a vida humana, levando-a na direção do propósito divino.

Amor que pede para pregarmos o evangelho, realizarmos obras de filantropia, ajudarmos aos que se encontram abaixo da linha da pobreza a ascenderem socialmente, irmos às ruas em atitude de protesto contra o descaso e a incompetência do poder público, redigirmos petições em favor dos oprimidos, darmos voz aos sem voz, visitarmos a casa do pobre, fazermos lobby político no parlamento.

Moças e rapazes estão descobrindo que o cristianismo não é ópio do povo!

Como Calvino declara: "Nada possuo senão da mão de Deus; e onde haja eu de ver falta ou indigência, impõe-se que, segundo minha possibilidade, socorra eu aos que se acham em necessidade".

Que fé bendita!, capaz de levar homens ao céu e trazer o céu para a terra."

veja também