Após dar 500 dólares a cada membro, igreja dos EUA relata como o dinheiro foi gasto

De acordo com a pastora da igreja, Laura Truax, o propósito principal da campanha foi cumprido, ou seja, os cheques de 500 dólares foram de fato usados por muitos dos membros da igreja para abençoar pessoas que estavam necessitadas.

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quinta-feira, 27 Novembro de 2014 as 4:45

No último mês de setembro (2014), a igreja LaSalle, em Chicago (EUA) deu para cada um de seus membros a quantia de US$500, com objetivo de que este dinheiro viesse a ajudar qualquer pessoa que estivesse necessitando, ou seja, abençoar alguém, de alguma forma. A notícia repercutiu internacionalmente e ganhou a aprovação de diversas pessoas (cristãs ou não).

De acordo com a pastora da igreja, Laura Truax, o propósito principal da campanha foi cumprido, ou seja, os cheques de 500 dólares foram de fato usados por muitos dos membros da igreja para abençoar pessoas que estavam necessitadas.

Truax diz que aprendeu o conceito na parte do Evangelho, em que Jesus ensina que onde quer que o coração das pessoas esteja, ali também eles vão gastar o seu dinheiro.

"Essas coisas são tão conectadas", disse Truax ao The Christian Post. "Coração e dinheiro são completamente conectados. E eu me sinto como se eu conseguisse um lugar na primeira fila com isso".

Ela compartilhou vários testemunhos, revelando o que algumas pessoas têm feito com o dinheiro.

O casal Janet e Jim Milkovich doou sua parte para um programa de saúde alimentar chamado "Breakthrough Ministries", que ajuda a fornecer refeições saudáveis para muitas pessoas em toda a cidade, incluindo pessoas idosas.

"Foi maravilhoso", disse Janet Milkovich. "O gerente que fornece os alimentos disse que há um grande número de idosos no lado oeste de Chicago que dependem de produtos frescos vindo de seu estabelecimento".

Também membros da igreja, Betty Mickel e seu marido usaram o dinheiro para financiar um programa de educação complementar em Chicago. O casal combinou os seus dois cheques de $500 para torná-lo uma doação de $1000 dólares, acrescentou mais mil dólares do seu próprio dinheiro e fez a doação ao projeto. Além disso, eles acabaram encontrando outro doador que decidiu dar a mesma quantia (2 mil dólares) ao mesmo programa - o que acabou totalizando uma doação de US$4.000.

"De 500 dólares o investimento se multiplicou porque jutaram suas forças em conjunto", disse Truax. "[Eles] agora deram US$ 4000 ao programa".

Truax também relatou sobre uma mãe solteira em sua igreja, que atualmente está ensinando à sua filha de 9 anos de idade, sobre o que é ser uma pessoa generosa. Parte dessa demonstração incluiu que as duas fossem para as lojas de boa vontade e comprassem pequenos livros usados e os doassem para diversas bibliotecas e pré-escolas em áreas de baixa renda.

Outro membro da igreja levou a quantia para o exterior e abençoou um missionário, que atualmente vive na Costa do Marfim (África). Eric Larson deu os seus US$500 a um amigo e este teve a oportunidade de abençoar uma mulher que havia sido expulso por sua família. Sua perna precisou ser amputada devido a uma infecção. Eric descobriu que a Após dar 500 dólares a cada membro, igreja dos EUA relata como o dinheiro foi gastomulher precisava de uma prótese de perna e ficou chocado com o quanto isso iria lhe custar.

Ensinamento bíblico
Truax diz que a decisão de distribuir o dinheiro foi inspirada pela parábola dos talentos, contada por Jesus.

"Eu estava tão impressionada com a possibilidade disso ser um presente para a Igreja e da Igreja. A necessidade de fazer algo que era sobre as coisas de Deus com Ele. Assim, a entrega dos 10% não foi ideia minha. Eu estava orando sobre isso e eu estava lendo esta parábola e eu me senti como um lugar de fé seria para toda a congregação vivenciar este ensinamento".

A igreja LaSalle ainda não decidiu o que vai fazer com os outros US $ 1,4 milhões, no entanto, a pastora disse que guardar este dinheiro não é uma opção atraente.

"Essa é a economia de Deus, nós não fomos criados para ser pessoas mesquinhas. Nós fomos criados para sermos entregues, um povo que doa", disse ela.

Com informações do Christian Post

*Tradução Por João Neto - www.guiame.com.br 

veja também