Ator de "Deus Não Está Morto" participará de novo filme cristão, que aborda a questão do suicídio

O filme conta a história de Jackson, um garoto cujo pai se matou. Depois de uma violenta explosão em sua escola, Jackson encontra um conselheiro chamado Eric (Kevin Sorbo), que tenta ajuda-lo a entender por que seu pai tomou a decisão de tirar sua própria vida.

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Sexta-feira, 31 Julho de 2015 as 3:48

A modelo, atriz e apresentadora Sam Sorbo irá estrelar em um novo filme cristão ao lado de seu marido, Kevin Sorbo ("Deus Não Está Morto"). Com o título "Hope Bridge" ("Ponte da Esperança", em uma tradução livre), a nova produção pretende abordar a questão do suicídio e como este acontecimento afeta os familiares de quem decide tirar a própria vida.

O filme conta a história de Jackson, um garoto cujo pai se matou. Depois de uma violenta explosão em sua escola, Jackson encontra um conselheiro chamado Eric (Kevin Sorbo), que tenta ajuda-lo a entender por que seu pai tomou a decisão de tirar sua própria vida.

Durante a história, Jackson finalmente descobre que o suicídio é parte de um ciclo em sua família.

Sam Sorbo destaque falou sobre esta abordagem e afirmou que o tema ainda não não é do conhecimento de muitas pessoas.

"O que ['Hope Bridge'] realmente aborda é a conexão que o suicídio estabelece entre as famílias e isso é algo que muita gente não sabe", disse. "Quando o pai comete suicídio, ele abre uma porta pela qual a criança, em seguida, tem a opção de caminhar. Porque até que você saiba que alguém tenha cometido suicídio, provavelmente nunca ocorre a você tomar que esta pessoa vá tirar sua própria vida. A semente tem de ser plantada".

O tema da "Hope Bridge" ganhou grande aceitação nos corações dos produtores do filme, Christi e David Eaton - os quais inclusive já sofreram com suicídios de familiares por duas vezes. Fazer o filme foi uma longa jornada para esta dupla, que sabia que Deus queria que eles contassem essa história, de acordo com Sorbo.

"Eles realmente sentiram um chamado para fazer este filme, e o que é surpreendente é que eles tentaram durante meses levantar o dinheiro para esta produção - o que simplesmente não estava acontecendo. E assim eles finalmente chegaram a desistir e dizer: 'Deus, se você quer que esse filme aconteça, então está por sua conta. Nós fizemos tudo o que podemos. Nós solicitamos a ajuda de pessoas'. E assim, eles finalmente desistiu e oraram sobre isso. Dentro de duas semanas eles levantaram todo o dinheiro. As pessoas simplesmente 'saíram da toca' e disseram que queriam contribuir com o filme", contou Sorbo.

"Hope Bridge" foi produzido pela Pure Flix, o mesmo estúdio que lançou o filme cristão "Deus Não Está Morto" em 2014, batendo recordes de bilheteria.

Sam ainda esclareceu que o novo filme gira em torno de princípios cristãos, mas não se aprofunda em conceitos bíblicos.

"É levemente cristão. Não é um filme que se aprofunda no cristianismo. Mas suponho que você diria que ele parte de uma perspectiva cristã, porque valoriza a preservação da vida e isso é uma ideia cristã", disse. "É realmente apenas um filme e um dos personagens vai à igreja. Mas ele não se aprofunda nisso".

Sam Sorbo interpreta o papel de Robin, a mãe do menino que pensa em suicídio. Ela disse ao Christian Post que decidiu fazer o filme depois de ouvir sobre o seu enredo.

"Eu tenho passado muito tempo sem atuar. O que me leva de volta a este trabalho não é porque eu preciso de um emprego, mas porque eu realmente gosto do assunto. Eu realmente gostei do filme. Eu realmente quero trabalhar nele", disse Sorbo, que também teve a oportunidade de trabalhar com seu marido, Kevin, em "The Hope Bridge"

O casal já chegou a trabalho trabalhado junto no passado e se conheceu durante as filmagens da série de TV "Hercules", na década de 1990.

"Eu adoro trabalhar com ele. Eu provavelmente não teria me casado com ele se eu não gostasse de trabalhar com ele em primeiro lugar. Neste filme eu tive algumas de cenas com ele. Eu o acho intimidante (Brincadeirinha). É uma atividade diferente para nós. Nós não trabalhamos juntos com muita freqüência. Mas quando o fazemos, é simplesmente divertido", disse Sorbo.

Ela também comentou o papel de Kevin em "Deus Não Está Morto", como o professor ateu antagônico, Radisson, e chamou o marido de "vilão perfeito".

"A maior coisa sobre esse filme é que você odeia tanto [o professor Radisson], em seguida, ele se transforma e você sente pena dele", lembrou. "Quando um filme poderia mudar a maneira como você se sente sobre alguém ou alguma coisa, aí é que está o poder do filme. E isso é quando você sabe que ele tem um bom desempenho. Porque há uma enorme mudança nas emoções que o público tem sobre esse personagem", disse Sorbo.

"Hope Bridge" estará disponível para compra em DVD em breve nos Estados Unidos. Para obter mais informações sobre o filme, visite hopebridgemovie.com.

veja também