A cada 3 segundos, um exemplar da Bíblia é produzido pela Gráfica da Bíblia

Em 2014, foram 7.612.438 Bíblias completas distribuídas, além de 693.044 Novos Testamentos, 2.467.511 livretos, e 277.970.900 folhetos. O total geral atingiu a marca de 289.605.467 exemplares, superando em 9,2% o resultado do ano anterior.

fonte: Guiame, com informações da Assessoria de Imprensa

Atualizado: Quinta-feira, 17 Setembro de 2015 as 4:28

Nesta quarta-feira (16), o parque gráfico completou 20 anos de atividades. (Foto: Guiame/ Marcos Paulo)
Nesta quarta-feira (16), o parque gráfico completou 20 anos de atividades. (Foto: Guiame/ Marcos Paulo)

 

A Gráfica da Bíblia foi criada para servir as igrejas cristãs no Brasil e em outros países. está completando 20 anos de atividades, com sua excelência reconhecida além das fronteiras nacionais.

Nesta quarta-feira (16), o parque gráfico completou 20 anos de atividades, e recebeu uma cerimônia realizada pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) no Museu da Bíblia, em Barueri (SP).

Com capacidade para produzir cerca de 10,5 milhões de publicações por ano, a Gráfica da Bíblia possibilita que a SBB atenda às demandas internas e ainda exporte para mais de 100 países das Américas, África, Ásia e Europa, em 30 idiomas.

Por isso, essa estrutura é avaliada pelo diretor executivo da SBB, Rudi Zimmer, como “uma bênção riquíssima que Deus proporcionou não só às igrejas no Brasil, mas também para igrejas em várias partes do mundo”.

A Gráfica da Bíblia tem possibilitado à SBB alcançar sucessivos recordes na distribuição de Escrituras. Em 2014, foram 7.612.438 Bíblias completas distribuídas, além de 693.044 Novos Testamentos, 2.467.511 livretos, e 277.970.900 folhetos. O total geral atingiu a marca de 289.605.467 exemplares, superando em 9,2% o resultado do ano anterior.

Duas unidades compõem a Gráfica da Bíblia, uma com 6 mil metros quadrados, na cidade de Barueri, onde está instalada a sede da SBB, e outra em Santana do Parnaíba, inaugurada em 2007 numa área de 3,7 mil metros quadrados. Ali funciona a Encadernadora da Bíblia e há espaço também para armazenagem de insumos e publicações editadas pela organização.

De suas instalações saem exemplares em mais de 30 idiomas: português, espanhol, inglês, francês, árabe e até em ioruba, idioma falado em países africanos. Do total de Escrituras produzidas, cerca de 20% destinam-se à exportação.

Produzindo um exemplar da Bíblia a cada três segundos, a Gráfica da Bíblia utiliza por mês 800 bobinas de papel que, se desenroladas, equivalem a 24 mil quilômetros. O papel consumido em um ano seria suficiente para dar 7,2 voltas na Terra.

veja também