Cineasta cristão prepara documentário, falando sobre homossexualidade

Apesar de ainda não ter sido finalizado, o simples anúncio de que o filme irá tratar desta temática já provocou críticas de diversos grupos.

fonte: Guiame

Atualizado: Quarta-feira, 10 Setembro de 2014 as 9:18

Cineasta cristão prepara documentário, falando sobre homossexualidadeCineasta Evangélico, Ray Comfort já começou a trabalhar em seu novo filme: "Audacity", que em seu roteiro irá abordar a questão da homossexualidade. Apesar de ainda não ter sido finalizado, o simples anúncio de que o filme irá tratar desta temática já provocou críticas de diversos grupos.

Comfort é conhecido por seus filmes/documentários, que abordaram temas polêmicos como o aborto, "evolução X criação" e a arca de Noé. Quando os fãs pediram que Comfort fizesse um filme que abordava a homossexualidade, sua primeira resposta foi: "não", por acreditar que o tema era muito polêmico.

Ao explicar o seu receio, Comfort destacou que o seu posicionamento a respeito da homossexualidade poderia ser considerado preconceituoso.

"Eu não queria fazer este filme. Quando as pessoas diferentes ficavam pedindo que eu abordasse a homossexualidade, eu respondi firme, mais uma vez: 'Não!'. E eu estava falando sério. Uma das principais razões para isso é que falar - mesmo que ligeiramente - contra a homossexualidade hoje em dia é tido como o mesmo que ser racista e cheio de ódio",

Comfort disse que Deus mudou recentemente sua ideia sobre o projeto. Ele espera que os espectadores cristãos compreendam e aceitem a mensagem do filme, sem criar qualquer ódio com relação aos gays.

Segundo o cineasta, "Audacity' não vai estereotipar ou difamar os gays na mídia. Este filme não é motivado por um sentimento de ódio. É exatamente o oposto. Nós amamos os homossexuais, e acreditamos que esta será a conclusão da maioria que assisti-lo".

Comfort disse que não espera que o filme "Audacity" seja analisado por boa parte do público da mesma forma que aconteceu com suas obras passadas.

"Quando eu produzi '180' [filme pró-vida, falando contra o aborto] eles disseram que eu odiava as mulheres. Quando lançamois 'Evolution Vs. God' ('Evolução X Deus'), disseram que nós odíavamos a ciência. Nenhuma das acusações eram verdadeiras. Estamos agora em pós-produção de um filme que mostra o quanto nós amamos os gays, e eles já estão dizendo que eu odeio gays", protestou.

Uma campanha de crowdfunding (colaborativa, com doações de anônimos pela internet) para "Audacity" já arrecadou mais de 98.000 dólares. Porém 175.000 ainda são necessários para finalizar o filme.

Os filmes "180" (sobre aborto) e "Evolution Vs. God" estão disponíveis no Youtube.

Com informações do Christian Head Lines

*Tradução por João Neto - www.guiame.com.br

veja também