Controverso, historiador norte-americano dispensa registros bíblicos e afirma que "Jesus nunca existiu"

Em entrevista ao Daily Mail, Michael Paulkovich afirma que estudou 126 escritores da época e nenhum cita Jesus.

fonte: Guiame

Atualizado: Quarta-feira, 1 Outubro de 2014 as 4:41

Historiador dispensa registros bíblicos e afirma que "Jesus nunca existiu"Historiador norte-americano, Michael Paulkovich afirmou recentemente que "Jesus Cristo nunca existiu". O "estudioso" embasa sua resposta no fato de que 126 escritores da época citada no Novo Testamento e posteriores ao tempo da "suposta crucificação" - como assim ele denomina - não fizeram nenhuma citação sobre Jesus. As declarações foram dadas por Paulkovich ao Daily Mail.

O historiador ainda alegou que Cristo pode ter sido alguma "invenção" de rabinos da época, que queriam ter algum líder para seguir.

Em seu livro recentemente publicado ("No Meek Messiah"), Paulokovich destaca ser "estranho que não seja citado por tantos escritores da época".

Ao que tudo indica, o pesquisador despreza a credibilidade de cinco apóstolos, os quais quatro deles tiveram a oportunidade de conhecer pessoalmente o Messias (Mateus, Marcos, Lucas e João) e o quinto teve uma experiência marcante e sobrenatural com Cristo (apóstolo Paulo), tornando um dos maiores líderes do cristianismo em toda a história.

Além disso, o historiador também afirma que no evangelho segundo S. Marcos, a história da ressurreição de Cristo teria sido "editada".

"Falsificadores acrescentaram depois o conto da ressurreição fantasiosa", diz ele.

A teoria do historiador é, no mínimo controversa e vai contra a maioria dos estudiosos, que afirmam que Jesus realmente existiu e era um judeu da Galileia, nascido entre 7-4 A.C e morreu entre 30 a 36 DC.

Outro fator contestável na teria de Paulkovich seria relacionado aos critérios utilizados pelo historiador para determinar qual material de pesquisa ou quais autores realmente teriam credibilidade, já que não somente a Bíblia, mas tantos outros autores reconhecem que Cristo realmente existiu.

Com informações do Terra

veja também