"Deus me preparou para ser testemunha dEle nas quadras", diz jogador de basquete

Atleta de destaque atualmente na NBA Stephen Curry reconheceu que a grande projeção de sua carreira tem um propósito: compartilhar do amor de Cristo no esporte.

fonte: Guiame, com informações do Charisma News

Atualizado: Terça-feira, 16 Fevereiro de 2016 as 11:02

Atualmente em destaque na NBA, o jogador do time de basquete 'Golden State Warriors', Stephen Curry tem afirmado que o seu sucesso não é fruto apenas de seus próprios esforços. O armador destacou que a decisão de depender diariamente de Deus tem grande importância neste processo.

"Eu sabia que o Senhor estava me preparando para um palco maior, para representar e ser uma testemunha dEle na quadra de basquete. Lembrei-me de minha mãe, me dizendo um dia em Davidson - na minha época de faculdade - que Deus coloca o Seu povo em diferentes áreas da vida para que eles podem alcançar mais pessoas para Ele. Eu tentei usar esse tempo para a Sua glória", compartilhou Stephen com a Sociedade dos Atletas cristãos, segundo o Charisma News.

Apesar do alto nível de fama que ele alcançou, Curry não está se acomodando e se esforça para melhorar o seu trabalho a cada dia.

"Deus me deu talentos para jogar basquete viver disso, mas eu ainda tenho que trabalhar duro para melhorar a cada dia", disse ele. "Eu sei que, no grande esquema das coisas, isto é apenas um jogo e isto pode ser tirado de mim a qualquer momento. Mas eu amo que o basquete. O esporte me dá a oportunidade de fazer coisas boas para as pessoas e fazer com que olhem para o homem que morreu pelos nossos pecados na cruz. Eu sei que tenho um lugar no céu, esperando por mim e isso foi possível por causa dEle. Isso é algo que nenhum prêmio ou troféu terreno poderia jamais superar".

Ao mesmo tempo, Curry não está esquecendo a jornada pela qual sua fé o tem conduzido e como Jesus Cristo começou a viver dentro de seu coração.

"Eu me lembro como se fosse ontem, o dia que eu entreguei minha vida a Cristo. Eu estava na quarta série, e eu me lembro de ouvir e compreender o evangelho de Jesus Cristo, andando pelo corredor para dar minha vida a Ele. Meus pais continuaram a estimular a minha fé a partir desse ponto, fazendo com que eu entendesse o valor do compromisso que eu tinha acabado de fazer", ele compartilhou.

veja também