'Deus Não Está Morto 3' está em produção, revela cineasta

O longa irá continuar contando a história de perseguição religiosa enfrentada por pastores nos Estados Unidos.

fonte: Guiame, com informações de The Christian Post

Atualizado: Quarta-feira, 21 Dezembro de 2016 as 4:44

No filme, Rev. Dave foi preso por não enviar cópias de seus sermões para a Justiça. (Foto: Divulgação)
No filme, Rev. Dave foi preso por não enviar cópias de seus sermões para a Justiça. (Foto: Divulgação)

O terceiro filme de “Deus Não Está Morto” está em produção, conforme revelou o ator e cineasta David A. R. White, um dos grandes responsáveis pelo sucesso do longa.

A parte final de Deus Não Está Morto 2 sugere que haveria uma intensa perseguição religiosa a ser enfrentada pelo Reverendo Dave, personagem interpretado por David. A terceira edição do filme mostrará a continuação dessa história.

Embora o longa esteja saindo do papel, a previsão de lançamento é apenas em 2018. “Estamos orando pela forma como devemos fazer e não queremos correr com a produção. Mas nós estamos animados em ver tudo caminhando”, disse ele em entrevista ao site The Christian Post.

David enfrentou grandes desafios desde que saiu de sua comunidade menonita, no Kansas (EUA), e foi buscar oportunidades de trabalho em Hollywood, aos 19 anos. Embora tenha crescido trabalhando em um campo de trigo, o sonho de entrar na indústria do cinema nunca saiu de seu coração.

“Quando eu cheguei em Los Angeles com apenas 19 anos, minha fé foi a base que me deu a confiança que eu precisava para acreditar que tudo iria dar certo, e me orientou diante das portas abertas e fechadas. Hoje, a minha fé é o centro da minha carreira”, disse David, que é co-fundador da produtora cinematográfica Pure Flix Entertainment.

David passou a interpretar e produzir filmes cristãos de sucesso, mas foi o lançamento de Deus Não Está Morto que mudou o rumo de sua carreira. “As coisas boas nem sempre vêm de imediato. Nós estávamos no 9º ano da nossa empresa antes de Deus Não Está Morto chegar aos cinemas”, disse ele sobre o longa que teve o orçamento de 2 milhões de dólares e retorno mais de 60 milhões nas bilheterias.

“Ficamos sem salário nos três primeiros anos. Foi difícil começar a construir um estúdio de distribuição. Mas através de muita oração e trabalho duro, conseguimos. Mais uma vez, Deus é fiel. Confie Nele e você vai se surpreender ao ver o que Ele irá fazer”, afirmou o cineasta.

Além da continuação do longa Deus Não Está Morto, David está trabalhando para o lançamento do filme "Case for Christ" ("Defesa de Cristo", em tradução livre), que conta a história de Lee Strobel, um ateu declarado que começou a investigar os argumentos bíblicos sobre Cristo após a conversão de sua esposa. O filme está previsto para ser lançado em 2017.

veja também