"Eu escolho o caminho do perdão", diz pastor ao comentar a prisão do assassino de sua esposa

O adolescente Larry Taylor foi preso e será julgado pela invasão da residência do pastor Davey Blackburn e pelo estupro e assassinato da esposa de Davey, Amanda Blackburn, que estava grávida de uma menina.

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Terça-feira, 24 Novembro de 2015 as 8:59

Pastor Davey Blackburn, líder da Igreja Resonate, em Indianápolis (Imagem: Captura de tela / ABC News)
Pastor Davey Blackburn, líder da Igreja Resonate, em Indianápolis (Imagem: Captura de tela / ABC News)

Reagindo à notícia divulgada na última segunda-feira, de que um adolescente foi preso pelo estupro e assassinato de sua esposa, Amanda, o pastor da Igreja Resonate, Davey Blackburn disse que estava "extremamente aliviado".

"Apesar de não desfazer a dor que estamos sentindo, fiquei extremamente aliviado ao receber a notícia da prisão do assassino de Amanda, feita ontem à noite. Os investigadores têm me garantido que o caso está solidamente construído, para garantir que a justiça seja cobrada e o processo, acelerado. As nossas famílias e eu não poderíamos ser mais grato pelo nível de compaixão e profissionalismo que os investigadores têm-nos mostrado nas últimas duas semanas", disse Davey Blackburn, em um comunicado publicado na página Facebook da Igreja Resonate.

Ele observou que espera que nos próximos meses, o sistema judicial use sua experiência para processar o adolescente e que o rapaz também se arrependa de suas ações. Davey também afirmou espera que Jesus lhes dê um coração coração disposto a perdoar.

"Apesar de tudo dentro de mim querer odiar, estar com raiva e escorregar em desespero, eu escolho a rota do perdão, graça e esperança. Se há uma coisa que eu aprendi com Amanda nos 10 anos que estivemos juntos, é isto: Escolher deixar minhas emoções conduzirem minhas decisões é a receita para uma vida inútil e sem esperança", disse ele. "Hoje eu estou decidindo pelo amor, não pelo ódio. Hoje eu estou decidindo estender o perdão, não a amargura. Hoje eu estou decidindo pela esperança, não pelo desespero. Pelo poder de Jesus que age em nós, o melhor ainda está por vir. Mesmo quando eu não vejo isso, eu acredito que isso seja verdade".

Um comunicado do Departamento de Polícia de Indianápolis, em Indiana (EUA), disse que o adolescente, identificado como Larry Taylor de Indianapolis, foi preso sob a acusação preliminar de assassinato. O Escritório da Procuradoria de Marion County é deve rever o caso para uma decisão sobre a possível penalidade do acusado.

Amanda e seu marido haviam se mudado do Estado da Carolina do Sul para Indianápolis em 2012, com o objetivo de assumir a liderança da Igreja Resonate.

Na manhã do dia 10 de novembro (2015), no entanto, enquanto Davey estava fora de casa, sua esposa foi baleada na cabeça, durante uma invasão à sua residência, segundo relatos da polícia. Ela foi levada ainda com vida ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos no dia seguinte. Amanda Blackburn estava grávida de uma menina, que se chamara Everette "Evie" Grace Blackburn. Mais tarde, foi revelada a informação que ela também teria sido agredida sexualmente.

Fontes disseram à emissora FOX59, que Taylor foi preso com outros dois homens, identificados como Jalen Watson e Diano Gordan. Eles devem ser julgados por terem cometido três assaltos adicionais, incluindo um estupro em residências de Westlake. Fontes dizem que Taylor teria sido previamente levado sob custódia e depois liberado, mas foi preso novamente no domingo à noite, na casa de um parente.

veja também