Evangelista diz a ateus que o inferno é uma realidade: "É terrível viver no reino das trevas"

Em suas páginas das mídias sociais, o escritor e evangelista Ray Comfort também envia várias mensagens aos ateus, advertindo-os de que "a vida sem Deus é escuridão".

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Quarta-feira, 27 Julho de 2016 as 12:19

Ray Comfort é evangelista e cientista criacionista, apresentador do programa de TV "O Caminho do Mestre". (Imagem: Youtube)
Ray Comfort é evangelista e cientista criacionista, apresentador do programa de TV "O Caminho do Mestre". (Imagem: Youtube)

O evangelista Ray Comfort se prepara para lançar seu filme "The Atheist Delusion" ("A Desilusão Ateísta") na próxima sexta-feira (29) e em uma entrevista com Hemant Mehta, do blog "The Friendly Atheist" ("O Ateu Simpatizante"), disse que ele está convencido de que o inferno é um lugar muito real e que as pessoas correm mesmo o risco de ir para lá após a morte.

Quando questionado na entrevista sobre como ele iria avaliar o sucesso do filme, Comfort respondeu: "Eu acredito com todo o meu ser que o inferno é um lugar muito real. Eu sei que parece ofensivo e que quase sempre um cenário de escárnio o acompanha. Foi Penn Jillette [ateu conhecido] que perguntou o quanto odiaríamos alguém se acreditássemos que o inferno era real e não o avisássemos", disse Comfort, referindo-se à sua conversa com o conhecido autor ateu.

Comfort acrescentou: "Então, com esse pensamento em mente, o que marcaria o 'sucesso' para mim neste filme, eu não tenho certeza Se posso responder de forma adequada. Se você fosse um bombeiro tentando salvar 10 pessoas da morte e conseguiu salvar duas, isso significaria o sucesso de sua missão?".

O evangelista comentou que ele tem pregado para os ateus durante os últimos 40 anos e tem usado seus filmes e vídeos para debater com pessoas de pontos de vista diferentes do dele.

"Quando vejo 100.000 pontos de vista sobre um vídeo, eu entendo que alguns estão pensando sobre o que eu estou dizendo, com respeito à sua salvação eterna. E esse é o meu consolo", disse ele.

"Eu leio os comentários nos vídeos. Muitos deles são bastante duros, mas eles não me preocupam. Eu fui ridicularizado por anos. Isso faz parte de ser um cristão. É uma cruz que temos de transportar", acrescentou.


Estratégias "ousadas"
O evangelista tentou recentemente, doar cerca de 25.000 dólares em cartões-presente da lanchonete 'Subway' para ateus inscritos na 'Conferência da Razão' (Encontro de Ateístas), em Washington, DC, em junho. Após revelar seu planejamento, Comfort foi proibido pela polícia de fazê-lo e chegou a correr o risco de ser preso, caso insistisse em cumprir seu objetivo.

Mais de 1.000 cristãos se registraram para participar da divulgação no evento ateu, mas a polícia disse que tal iniciativa "constituiu um protesto" e seria necessária uma licença para ser cumprida.

A equipe de Comfort disse mais tarde que ele estaria iria doar os cartões-presente para pessoas necessitadas, em vez de entregá-los aos ateus no evento.

Ray Comfort evangelizando em um parque, nos EUA. (Foto: Christian Post)


Pregação do evangelho
Em suas páginas das mídias sociais, Comfort também envia várias mensagens aos ateus, advertindo-os de que "a vida sem Deus é escuridão".

"Como é terrível viver no reino das trevas, tendo o entendimento obscurecido e sendo separado da vida de Deus. Nossos corações devem se quebrantar por aqueles que não têm idéia de suas origens, da finalidade de sua existência e de onde eles vão passar a eternidade", escreveu ele em um post do Facebook na segunda-feira.

"Mas, para o cristão, está claro que fomos criados por Deus, para Deus e que vamos passar a eternidade com Ele, desfrutando de sua presença para sempre", acrescentou.

"Entendemos, também, como o pecado destrói, que precisamos do Salvador, por que há sofrimento, por que é que há tanta maldade e como Deus concedeu a vida eterna a um pecador, morrendo e ressuscitando por ele".

veja também