Homem ora por desconhecido, vítima de ataque em Orlando: "Não se preocupe, estou com você"

Rodney tinha sido baleado várias vezes, incluindo os dois braços e costas. Joshua criou um torniquete com sua camisa e aplicou pressão nas feridas, confortando o estranho.

fonte: Guiame, com informações do site Hello Christian

Atualizado: Terça-feira, 14 Junho de 2016 as 9:44

Josh recebeu ordens da polícia para manter o homem consciente. (Foto: Reprodução/Facebook).
Josh recebeu ordens da polícia para manter o homem consciente. (Foto: Reprodução/Facebook).

Existem raios de luz emergindo em meio a uma tragédia tão escura, como histórias de quem conseguiu sobreviver ao ataque em Orlando. Uma em particular tem tomado os corações e mentes de tantas pessoas no mundo todo.

Joshua McGill avistou uma pessoa que parecia ter tropeçado e caído no chão. A pessoa dizia resmungando: "Você pode me ajudar?". Então Joshua rapidamente agarrou o homem que disse: "Acho que levei um tiro". "Não se preocupe, eu estou com você", respondeu Joshua, que é assistente médico.

Joshua recebeu ordens da polícia para manter o homem consciente, não importasse o quê acontecesse. "Ei, cara, meu nome é Joshua, o que você faz?", disse o assistente. "Meu nome é Rodney. Eu sou de Jacksonville", Rodney Sumter sussurrou. "Eu não sei se você é religioso ou não, mas eu vou fazer uma oração com você", disse Joshua.

"Eu me escondi debaixo de um carro e encontrei uma das vítimas que foi atingida por tiros. Amarrei minha camisa sobre suas feridas para parar o sangramento e consegui levar ele secretamente ao oficial mais próximo que, em seguida, levou-o para o pronto-socorro" lembrou Joshua.

Rodney Sumter foi ajudado por McGill em Orlando durante o ataque na Boate Pulse. (Foto: Reprodução/Instagram).

"Palavras não podem descrever essa sensação. Ficando todo coberto de sangue, tentando salvar a vida de um cara que eu nem conhecia. Foi uma experiência intensa, mas estou bem. Apenas traumatizado”, disse.

Joshua McGill acredita que Deus o colocou no clube para que ele fosse capaz de ajudar os feridos. "Eu senti que Deus me colocou no clube e me fez ficar lá para ajudar um completo desconhecido. Por qualquer razão que seja, eu entendo que o meu objetivo ali era de salvar vidas. Deus está com a gente em todos os momentos de necessidade", disse ele.

Rodney tinha sido baleado várias vezes, incluindo os dois braços e as costas. Joshua criou um torniquete com sua camisa e fez pressão nas feridas, confortando o rapaz desconhecido. Então, quando ele pareceu seguro, eles correram para o outro lado da rua, no perímetro policial. Eles foram enviados para um hospital em um carro de polícia, onde Joshua continuou a cuidar das feridas de Rodney durante o caminho. Rodney se encontra em condição estável.

veja também