Igreja desenvolve aplicativo para ajudar jovens a lembrar de orar por amigos e família

O “Push”, visa funcionar como um lembrete, pois a maioria dos jovens passam o dia conectado com os smartphones, além do contato constante com diversas pessoas.

fonte: Guiame, com informações do site Notícias Adventistas

Atualizado: Segunda-feira, 14 Março de 2016 as 9:21

O aplicativo começou a ser pensado e estruturado há cerca de dois anos. (Foto: Jefferson Paradello).
O aplicativo começou a ser pensado e estruturado há cerca de dois anos. (Foto: Jefferson Paradello).

Um aplicativo para celular foi desenvolvido com o objetivo de para incentivar adolescentes a dedicar mais tempo à oração intercessora por seus amigos e familiares. A novidade é uma iniciativa do Ministério de Adolescentes da Igreja Adventista do Sétimo Dia e será acessível para oito países sul-americanos.

O “Push”, visa funcionar como um lembrete, pois a maioria dos jovens passam o dia conectado com os smartphones, além do contato constante com diversas pessoas. O nome do aplicativo vem da frase em inglês “Pray Until Something Happens” (ore até algo acontecer). Ele foi pensado para ser um estímulo para o público mais conctado.

De acordo com Milca Souza, uma das idealizadoras do aplicativo, explica que a ideia surgiu quando foi observado que os materiais impressos voltados aos adolescentes não estavam atraindo a atenção deles.

“O Ministério do Adolescente na região Norte do Brasil se mobilizou para organizar reuniões com as diretoras desse departamento nas sedes regionais e com o pessoal da mídia para discutir uma melhor forma de produzir algo que fosse mais de acordo com o mundo deles e que despertasse o interesse pela oração”, esclareceu a pedagoga.

O aplicativo começou a ser pensado e estruturado há cerca de dois anos. Para que ficasse pronto, a produção contou com pesquisas realizadas com adolescentes, que participaram de reuniões, avaliações e testaram a ferramenta para aprovar os recursos implementados. O motivo dos testes se deu por ser um “produto” voltado, primariamente, a um público específico: os jovens.

Versatilidade

O “Push”, permite que o usuário agende pedidos de oração de familiares ou de pessoas listadas em qualquer rede social que tenha seu respectivo aplicativo instalado no dispositivo móvel, como Whatsapp ou Facebook, por exemplo. Segundo da estudante Lohara Lima, de 16 anos, esse foi um dos diferenciais que mais chamou a atenção. “Achei bem divertido ver as fotos dos meus contatos do celular no app”, comentou.

Além de adicionar os pedidos de oração, é possível compartilhar mensagem bíblicas diretamente por quem se quer orar. “A maioria dos adolescentes (e jovens também) não têm o hábito ou não conseguem lembrar dos vários pedidos de oração que são feitos”, constata Maisa Miranda, professora auxiliar de adolescentes em um dos templos adventistas do Centro-Oeste. “Nessa vida corrida sempre é bom ter um auxiliador da memória”.

De acordo com a diretora do Ministério do Adolescente da Igreja Adventista para oito países da América do Sul, Graciela Hein, é preciso chamar a atenção para o conselho bíblico de orar sem cessar, mesmo com a correria do dia a dia. Por isso, o propósito é incentivar os adolescentes a dedicar mais tempo à oração. Ela credita que a tecnologia pode ser um estímulo para leva-los a ter um relacionamento mais próximo com Deus e com outras pessoas.

veja também