Igreja inicia campanha de oração ao descobrir que Jesus não é reconhecido na Europa

O objetivo da Igreja da Inglaterra é reverter os resultados de uma pesquisa que mostrou que metade da população da Inglaterra não acredita que Jesus foi uma pessoa real.

fonte: Guiame, com informações de Christian Today

Atualizado: Quinta-feira, 26 Novembro de 2015 as 2:51

Metade da população da Inglaterra não acredita que Jesus foi uma pessoa real. (Foto: IDS)
Metade da população da Inglaterra não acredita que Jesus foi uma pessoa real. (Foto: IDS)

As igrejas da Grã-Bretanha estão iniciando uma campanha nacional de oração que terá início no primeiro domingo de 2016. O objetivo é reverter os resultados de uma pesquisa que mostrou que metade da população da Inglaterra não acredita que Jesus foi uma pessoa real.

A pesquisa constou que 40% dos ingleses não acreditam que Jesus foi uma pessoa real. Por outro lado, 43% dos entrevistados acreditam na ressurreição — embora muitos não concordem que o fato aconteceu como está descrito na Bíblia.

O dia da "Oração de Ano Novo", marcado para acontecer no domingo de 3 de janeiro de 2016, é uma ação que surgiu depois do estudo encomendado pela Igreja da Inglaterra e a Aliança Evangélica, e produzido pela ComRes em parceria com o grupo Barna com mais de 4 mil entrevistados.

Rachel Jordan, conselheira de evangelismo da Igreja, disse que os resultados da pesquisa revelam uma "geração ausente" das igrejas, compostas por adultos e idosos com idades entre 35 e 64. Ela acrescenta que falta investimento nos jovens com idade inferior a 35.

Jordan relata que a igreja chegou a conclusão de que a melhor resposta a pesquisa era a oração. "Devemos ter mais confiança, porque Deus é ativo. Mais pessoas estão interessadas do que eu esperava."

 

veja também