Igreja mais antiga da África é encontrada por arqueólogos

A igreja foi construída pelos colonizadores portugueses na Cidade Velha, a antiga capital das ilhas de Cabo Verde na costa da África Ocidental.

fonte: Guiame

Atualizado: Quinta-feira, 12 Novembro de 2015 as 3:50

A igreja foi construída pelos colonizadores portugueses na Cidade Velha. (Foto: Cambridge Archaeological Unit)
A igreja foi construída pelos colonizadores portugueses na Cidade Velha. (Foto: Cambridge Archaeological Unit)
Arqueólogos descobriram uma ruínas de uma igreja que foi construída há 500 anos, que já é considerada a mais antiga igreja cristã européia conhecida nos trópicos.

Deformada pelas inundações e, possivelmente, visitada pelo famoso naturalista Charles Darwin, a igreja foi construída pelos colonizadores portugueses na Cidade Velha, a antiga capital das ilhas de Cabo Verde na costa da África Ocidental.
 
Segundo os pesquisadores, existem mais de mil corpos de escravos enterrados na nave da igreja. Por centenas de anos, Cabo Verde foi um ponto de comércio de escravos africanos antes de serem enviados à Portugal e às Américas.
 
A indústria fez da Cidade Velha, em seu auge, a segunda mais rica do Império Português.

veja também