Jovem cristã posta 'atestado de virgindade' e é criticada nas mídias sociais

A escritora cristã Brelyn Bowman, 23 anos, casou-se recentemente com o cantor Tim Bowman Jr e afirmou que sua intenção com a publicação do exame era estimular os jovens cristãos a se manterem sexualmente puros até o dia do casamento.

fonte: Guiame, com informações do Christian Post

Atualizado: Quarta-feira, 9 Março de 2016 as 10:33

Filha de pastor e recém-casada com o cantor Tim Bowman, Brelyn também investe na sua carreira de escritora, aconselhando jovens sobre a importância da pureza sexual. (Foto: Arquivo pessoal / Brelyn Bowman)
Filha de pastor e recém-casada com o cantor Tim Bowman, Brelyn também investe na sua carreira de escritora, aconselhando jovens sobre a importância da pureza sexual. (Foto: Arquivo pessoal / Brelyn Bowman)

A escritora Brelyn Bowman, 23 anos, diz que ela não ficou surpresa ao ver que as pessoas no mundo secular reprovaram seu post com o 'certificado de virgindade' (atestado por um ginecologista) nas mídias sociais depois do dia de seu casamento, no ano passado. Mas ela ficou chocada com as reprovações da parte de muitos cristãos.

Recém-casada com o cantor gospel Tim Bowman Jr, ela diz que ela tomou a decisão de honrar a Deus, abstendo-se de relações sexuais até o dia do seu casamento. Logo depois ela orgulhosamente anunciou ao mundo no Instagram que ela permaneceu virgem até o dia do casamento, mostrando o certificado ela também teria apresentado a seu pai. Porém um número de cristãos reprovou a atitude da moça.

Bowman disse ao 'Christian Post' que ela ficou especialmente surpresa que muitos dos que deixaram comentários negativos sobre sua decisão de mostrar a seu pai os resultados de seu exame ginecológico - que revelou que ela ainda era virgem antes do dia de seu casamento - se identificaram como cristãos.

"Isso é o que eu não consegui entender. Porque isso foi como: por que nós, como cristãos, nos agredimos uns aos outros em vez de nos protegermos e espalharmos a mensagem de Deus para aqueles que não podem compreendê-la?", ela questionou.

"Não há problema se uma menina que engravidar fora do casamento disser 'OK, estou grávida' e todos celebramos aquele bebê. Mas não é certo se eu disser 'Ei, eu sou virgem", desabafou. "Talvez o resultado nem seja certo, talvez ela nem esteja grávida, mas nós ainda celebramos o bebê".

Filha do Pastor Mike Freeman, do Centro Cristão 'Spirit of Faith', no estado de Maryland (EUA), Brelyn apresentou o certificado para provar que "seu hímen estava intacto", depois de ver sua irmã fazer o mesmo, sete anos antes. Embora o ato tenha sido recebido com seu quinhão de negatividade, Bowman quer que as pessoas se concentrem mais na ideia por trás da ação.

"Como cristãos, vamos esquecer o certificado e vamos chegar à essência da história. Se nós podemos levar as pessoas a verem o que eu fiz, podemos avançar em Cristo e mostrar aos outros como nós deveríamos viver como solteiros neste processo", ela escreveu. "Eu acho que muita gente ficou presa na ideia de que 'isso é muita informação".

Aos 13 anos, a filha do pastor - atualmente esposa do cantor gospel - fez um voto de celibato. Após a idéia de sua 'certidão de virgindade' chamar a atenção nacional, Bowman percebeu que ela alcançou uma plataforma para inspirar os cristãos solteiros a se tornarem íntegros em Cristo.

Com isso, surge seu terceiro livro, "No Ring, No Ting", que expõe os princípios de pureza sexual que ela tem compartilhado em livros anteriores.

"Eu sinto que às vezes as pessoas não querem te ouvir, até que você tenha algo para provar que você leva essa vida", disse ela sobre o livro. "Eu acho que foi simplesmente o 'timing' perfeito para compartilhar que eu fiz isso, tenho benefícios para provar isso, e posso ajudá-los da mesma maneira que eu tenho feito isso também".

Mesmo que ela escreva seu livro a partir da perspectiva de uma virgem, a autora insiste que sua obra literária não condena as pessoas que tiveram relações sexuais antes do casamento. Em vez disso, o livro visa capacitar as pessoas em Cristo.

"Minha história é realmente para incentivar outras pessoas. Muitos que não são virgens e perderam essa marca", disse ela ao Christian Post. "Isso não significa que Deus não os ama. Isso não significa que Ele vai condená-los. Isso significa que eles podem começar uma nova vida, começar de novo e serem curados em suas almas, da falta de perdão, da amargura".

Em "No Ring, No Ting", Bowman dá aos leitores, um vislumbre de sua jornada pessoal, mantendo sua pureza sexual. Como uma virgem que se casou com um homem também virgem, ela quer incentivar as pessoas a namorarem com alguém que compartilha de seus valores.

"Há um capítulo no livro sobre o namoro com um propósito e sem pressão", disse ela. "Você pode literalmente ter alguém que está no mesmo caminho que você ou na mesma faixa que você e realmente ter uma boa vida com alguém que poderia fazer você se sentir feliz".

Embora seja mais fácil encontrar conteúdo abertamente sexual no mundo do entretenimento, mais celebridades estão falando sobre a tomada de votos de celibato, semelhantes aos de Bowman e ela não acredita que isso seja apenas uma coincidência.

"Deus orquestra claramente o movimento de todas as nossas vidas perfeitamente. Mesmo que o mundo esteja à procura de algo diferente, porque você tem os artistas com seus corpos expostos nas suas capas", disse ela. "O tema 'sexo' vende em todos os lugares e eu acho que são apenas umas poucas pessoas que têm feito isso e é como, 'OK, é o suficiente'. Nós temos que fazer algo como uma comunidade cristã".

 

veja também