Liderada por Felippe Valadão, Igreja Lagoinha Niterói atrai multidão

“A gente não tem uma estética religiosa", diz o pastor

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Terça-feira, 4 Novembro de 2014 as 10:07

Lagoinha NiteróiO prédio situado na Avenida Quintino Bocaiúva, 679, em Charitas - Niterói-RJ, já foi ocupado por famosas casas noturnas, mas é agora o endereço da Batista da Lagoinha Niterói.

A igreja, liderada por Felippe e Mariana Valadão, atrai de três a quatro mil pessoas por semana. Ganhando cada vez mais visibilidade na região, a igreja saiu em uma reportagem especial no jornal O Dia.

A Igreja Lagoinha Niterói é uma extensão da Igreja Batista da Lagoinha e começou na casa do casal de pastores Felippe e Mariana. Em pouco tempo, eles tiveram que ir para um prédio maior, em Icaraí, em julho de 2013.

Como a igreja não parou de crescer, logo tiveram que ir para um local ainda maior, foi quando chegaram ao templo atual, em julho de 2015.

Quem visita a igreja não encontra a estrutura tradicional de um templo, mas algo inovador. “A gente não tem uma estética religiosa. Nossa vontade não é que as pessoas venham e falem: uau, estou em uma igreja! Eu quero que elas pensem que não é uma igreja, para que quando se inicie o culto elas não sintam a igreja, mas a presença de Jesus”, diz o pastor Felippe.

O pastor conta que ele e os demais pastores são voluntários e a igreja tem apenas dois funcionário remunerados. Apesar de ser frequentada por pessoas de todas as idades, a grande maioria é jovem, tanto que aos sábados é realizado um culto só para eles.

No Faceboook, Felippe Valadão publica com bastante frequência fotos e vídeos dos cultos realizados na Lagoinha Niterói.


com informações de O Dia

 

veja também