Mãe de Andressa Urach lê salmo para acalmar a filha no hospital e pede nas redes: "Continuem orando"

Último boletim médico indica que quadro é grave, mas considerado estável.

fonte: guiame.com.br

Atualizado: Quarta-feira, 3 Dezembro de 2014 as 9:42

Mãe de Andressa Urach lê salmo para acalmar a filha no hospital e pede nas redes: 'Continuem orando'Na última terça-feira, 02/12, a mãe de Andressa Urach, Marisete de Faveri agradeceu a todos que têm enviado mensagens de carinho e apoio à sua filha. Faveri ainda celebrou o quadro estável da modelo, mas pediu a todos que "continuem orando".

Com algumas postagens em seu perfil do Facebook, a mãe afirmou que tem fé no poder de Deus para curar sua filha.

"Uma mulher linda inteligente, uma menina cheia de sonhos, que batalha que corre atrás, que nunca nada foi fácil, mas ela nunca desistiu, que só quer dar o melhor para sua família, uma menina temente a Deus. Por isso, tenho certeza, pela minha fé , que ela vai ser curada. Agradeço a todos de coração e peço que continuem orando, pois está vai ser só mais uma batalha e sei que meu bebê vai sair vitoriosa", disse Marisete no post.

Segundo boletim médico mais recente divulgado pelo hospital Hospital Conceição, em Porto Alegre (RS), Andressa segue internada na UTI da instituição. O estado ainda é grave, porém estável. Urach ainda respira com a ajuda de aparelhos.

Em uma visita feita à filha na UTI do hospital, na última terça-feira, Marisete leu o Salmo 91, para acalmar a filha.

Causas
Há cinco anos, Andressa Urach havia feito uma cirurgia de implante de hidrogel - produto usado principalmente para preenchimento e aumento de volume em regiões como os glúteos e as coxas. Antes do caso de Urach, a substância já havia sido relacionada a problemas graves de saúde em pessoas que recorreram a esse procedimento nos últimos meses.

Em Goiânia, por exemplo, Maria José Brandão morreu após fazer aplicação de hidrogel nos glúteos.

Segundo a dermatologista Valéria Campos, o hidrogel não é aprovado pelo órgão americano que regulamenta alimentos e medicamentos, o "Food and Drug Administration" (FDA).

“O FDA é um órgão bastante rigoroso, portanto o fato de o hidrogel não ser aprovado por ele é um sinal de alerta”, diz a dermatologista.

A mãe de Andressa confessou que nunca esteve de acordo com cirurgias como a de implante de hidrogel.

"Sempre fui contra essas cirurgias, mas Andressa diz que na sua profissão as pessoas cobram muito beleza e idade. Fui na igreja, chorei com o pastor e tenho fé que minha filha vai ficar boa. Tenho a certeza que ela sairá outra pessoa daqui", afirmou.

Com informações do G1

 

veja também