Maiores igrejas do mundo estão na Ásia e na África, aponta estudo

Um recente estudo comprovou que as igrejas com maior alcance de pessoas não estão localizadas nos Estados Unidos, mas sim na Ásia e na África.

fonte: Guiame, com informações de Christian Today

Atualizado: Segunda-feira, 2 Maio de 2016 as 9:28

Yoido Full Gospel Church, na Coreia do Sul, é a igreja frequentada pelo maior número de pessoas do mundo. (Foto: Reprodução)
Yoido Full Gospel Church, na Coreia do Sul, é a igreja frequentada pelo maior número de pessoas do mundo. (Foto: Reprodução)

Quando se fala das maiores megaigrejas do mundo, logo vem à memória grandes denominações norte-americanas, como a igreja Potter's House, em Dallas, ou a Lakewood Church, no Texas, que se orgulha de seus 43.500 participantes nos cultos semanais.

No entanto, o pesquisador Warren Bird, da organização Leadership Network, comprovou em um recente estudo que as igrejas com maior alcance de pessoas não estão localizadas nos Estados Unidos, mas sim na Ásia e na África.

Em seu artigo, Bird nomeia a igreja Yoido Full Gospel Church, na Coreia do Sul, como a frequentada pelo maior número de pessoas do mundo. Esta igreja pentecostal, localizada na capital do país, em Seul, recebe cerca de 480 mil pessoas em seus cultos semanais e possui, no total, cerca de 830 mil membros.

Em segundo lugar, com números bem mais baixos, estão as igrejas nigerianas Deeper Christian Ministry e Onnuri Community Church. Cada um destes ministérios recebem um total de 75 mil pessoas em suas celebrações semanais.

De acordo com Bird, estes números dão aos cristãos um grande motivo para comemorar, pois indicam que cada vez mais pessoas estão se voltando a Jesus Cristo em diferentes partes do mundo.

"Dados precisos nos permitem ver o quadro daquilo que Deus parece estar fazendo. Para começar, você vai observar que as maiores igrejas do mundo não estão nos Estados Unidos (os EUA nem sequer começaram a tendência das megaigrejas)", escreveu Bird.

O estudioso também espera que as igrejas continuem crescendo em todo o mundo, mesmo em países onde outras religiões sejam dominantes.

"Por exemplo, a Índia tem hoje mais crentes do que em qualquer outro momento de sua história, em 4 mil anos”, disse Bird. “Enquanto meu estudo está sendo desenvolvido, eu suspeito que vamos encontrar um número crescente de megaigrejas lá. Você pode explorar tudo, desde a idade média do pastor até o nível de teologia pentecostal / carismática nestas grandes igrejas".

veja também