Na Itália, incêndios misteriosos assustam moradores e padre comenta: "obra do demônio"

A pequena vila registrou em apenas 48 horas, mais de 30 incêndios desta mesma natureza: sem explicação aparente.

fonte: Guiame

Atualizado: Terça-feira, 30 Setembro de 2014 as 12:46

Na Itália, incêndios misteriosos assustam moradores e padre comenta: "obra do demônio"Desde 2004, os 180 moradores da pequena vila de Canneto, na Sicília (Itália) têm visto incêndios "espontâneos" destruírem sofás, cortinas, eletrodomésticos, colchões, fiações elétricas, cestos de roupas e até caixas d'água em PVC em suas casas.

Na última quarta-feira, 24/09, uma moradora presenciou a cena em que o seu próprio televisor derreteu, a tomada da cozinha queimou e a penteadeira incendiou-se.

No mesmo dia, o assento do corpo de bombeiros local - chamado para apagar as chamas na garagem de uma residência há poucos metros dali - também pegou fogo, sem qualquer razão aparente.

A pequena vila registrou em apenas 48 horas, mais de 30 incêndios desta mesma natureza.

Duas pessoas já foram internadas com diagnóstico de intoxicação, devido à fumaça e outras dezenas tiveram que deixar as próprias residências.

De acordo com o prefeito da cidade de Caronia - onde se localiza a pequena aldeia - Calogero Beringheli, os focos de incêndio passaram a ocorrer com maior frequência a partir de julho deste ano (2014). Beringheli participou de uma vigília entre 24 e 25 de setembro, ao lado dos poucos moradores que ainda permanecem em Canneto.

"O fenômeno está em plena expansão e estamos todos em alerta. Há pouco uma dispensa pegou fogo e graças à ação do Corpo de Bombeiros, conseguimos apagar as chamas. Algumas residências foram evacuadas em julho, mas é preciso monitorá-las constantemente para evitar que peguem fogo. O problema é descobrir as causas deste fenômeno", relatou o prefeito aos jornais italianos.

Investigação
Entre investigações e teorias que têm se elaborado em torno das causas do fenômeno, ciência e religião apresentam suas versões do que poderia estar causando os incêndios.

Segundo o relatório do coordenador da Comissão cientistas e técnicos que investigaram o caso, foram excluídas as causas naturais ou humanas da lista de possibilidades.

"Canetto foi atingida por emissões eletromagnéticas de alta potência de origem não natural que alcançaram uma potência entre 12 e 15 gigawatts" diz o texto.

Já para o padre Gabriele Amorth - exorcista da Diocese de Roma - o fenômeno é "claramente" uma "obra do demônio".

"Está acontecendo o que normalmente acontece quando o diabo entra na vida de quem lhe permite entrar. Se está acontecendo tudo isso é porque um motivo existirá. Pode ser inclusive que alguém esteja se divertindo com a magia, negra ou branca que seja, que é a porta de ingresso preferida por Satanás", declarou o líder católico.

Desgastados pelo frequente assédio da imprensa na região, os moradores têm pedido às autoridades uma rápida solução, antes que Canneto se torne uma aldeia fantasma (inabitada).

Com informações do Terra

 

veja também