"Não posso fingir que a fala dele é mais danosa do que as nossas", diz Thiago Grulha sobre a recente declaração de Lula

Em texto, Grulha lembra que a hostilidade entre os próprios evangélicos é pior. "Há uma nuvem de ofensa tampando o sol da fraternidade"

fonte: Guiame, Thiago Grulha

Atualizado: Sexta-feira, 29 Maio de 2015 as 5:14

Lula
Lula

Recentemente, o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva deu declarações um tanto polêmicas envolvendo pastores evangélicos, durante uma palestra para sindicalistas em um hotel no centro de São Paulo (SP).

Muitos internautas repudiaram o comportamento de Lula e alguns líderes evangélicos renomados até se pronunciaram a respeito da fala do ex-presidente.

Thiago Grulha, que é escritor, cantor e compositor, tomou conhecimento da declaração de Lula e comentou sua atitude, mas com uma análise da verdade que existe no universo evangélico, entre líderes, evangélicos e denominações. Confira na íntegra:

Há uma enorme diferença entre uma crítica ao evangelho e aos evangélicos!

Já li argumentos sociais, biológicos, científicos e econômicos contra o que a bíblia defende como regra de vida e prática. Alguns muito bem elaborados! Outros, falácias de preconceituosos.

Claro que muitas pessoas rejeitam o poder da Cruz e se ofendem com um Deus que se faz homem, habita entre nós, cheio de graça e verdade, com todas as limitações e dores da humanidade. Totalmente homem para salvar o homem todo.

Como compreender o divino num corpo sangrando no madeiro?

Como crer que nele habita a plenitude?

Como acreditar que Ele é Deus entre nós e seu sangue paga uma dívida eterna, assim como a sua ressurreição nos garante a redenção?

Fomos iluminados pela fé, por graça de Deus e porque a loucura da pregação fez sentido em nossa alma! Glória ao Senhor por isto! Entender o que já foi possível entender, foi um presente celestial! Que outros possam viver isto!

A sabedoria de Deus é loucura para mente natural. Exigir que aceitem a mensagem do Cristo sem aceitarem o Cristo, é muito complicado.

Isto não significa que todo não crente é um opositor das filosofias de Cristo, ou que não entendem nada do que a bíblia diz. Jamais e pelo contrário.

Sabemos de estadistas, líderes espirituais de outras religiões, empresários, educadores e muitos outros que, por lerem o evangelho, tiraram muitas lições e decisões preciosas de lá.

O que digo é que só é capaz de penetrar no mistério da salvação, aquele que foi salvo. Só pode render louvores ao cordeiro com aparência de morto, aquele que, pelo Espírito, enxerga nele o Leão da tribo de Judá! Somente o Espírito de Deus sonda a mente de Deus e a compartilha com os que estão em busca da mente de Cristo!

Os que não creem continuarão partilhando suas descrenças, hipóteses e entendimentos sobre a vida, o homem e a sociedade. E isto ocorrerá até que sejam convertidos, ou partam desta realidade de existência.

Nossa tarefa é continuar crendo, aprendendo, vivendo e sendo uma opção de tradução do evangelho para os que resistem a Graça. Engajados em nossas aéreas de atuação, dedicados ao ensino da cosmovisão cristã e sempre humildes e tolerantes com os diferentes, lembrando que quem convence do pecado, da justiça e do juízo é o Espírito Santo do nosso Deus!

Agora, sobre, nós, evangélicos, vão falar muito mesmo e muitas vezes, com razão!

Somos um grupo extremamente heterogêneo. Tanto nas nossas confissões de fé (pentecostais, neopentecostais, tradicionais históricos, católicos e por aí vai), quanto nas nossas personalidades, histórias, profissões, posições políticas, posição social e estilo de vida.

Tem gente de caráter e gente sem!

Bons maridos e adúlteros!

Honestos e corruptos!

Sábios e infantis!

Generosos e mesquinhos!

E as vezes, somos tudo isto! Misericórdia!

Já pensou numa coisa?

Se pudéssemos ouvir, num mesmo dia, o que falam de Jesus em todas as igrejas de nosso bairro, pareceria que falam de pessoas diferentes. Sim! O Jesus dali é muito diferente do Jesus de lá! As descrições não batem!

Não há harmonia em nossos púlpitos, pelo contrário, grita o contraste!

Soube e ouvi o Lula brincando, ou ridicularizando os crentes!

Digo que ele pegou leve! (me perdoem, não estou dizendo que ele fez bem e nem que eu gostei)

Nós temos tido críticas muito mais duras e veementes de dentro da própria igreja.

Pastores mais fundamentalistas demonstram nojo e repulsa pelos movimentos mais carismáticos.

Os líderes pentecostais de muitas comunidades, julgam e riem do comportamento mais sereno e contido da maioria das igrejas históricas.

Estou dando exemplos que não são regras! Acontece, não dá pra negar, mas nem todos agem assim!

Ou seja, se um não cristão der uma olhada nos faces, nos vídeos de youtube, ou participar de algumas conferências, dirá: - Meu! ficaram bravos com o Lula, mas eles batem neles mesmo com muita mais força, raiva e até ódio!

A hostilidade entre nós é terrível!

Por muito pouco, nos ferimos!

Há uma nuvem de ofensa tampando o sol da fraternidade!

Vocês não imaginam a quais níveis esta violência está chegando!

Sei que minha posição não é acolhida por todos!

Sei que pareço mais um bobinho brincando de ser amigo de todo mundo, andando em cima do muro, correndo o risco de se machucar com quedas inevitáveis!

mas, como dói ver a lança na boca da igreja! Como dói, ver paus e pedras impedindo que as mãos sejam unidas!

não acredito que dá pra colocar todo mundo numa grande casa e resolvermos nossas diferenças milenares!

não acredito que dá pra conciliar tudo o que o fulano da igreja reformada pensa, com o que o ciclano do ajuntamento do fogo santo de Jerusalém professa!

não estou levantando uma bandeira ingênua, na esperança de nos aquecermos, juntos, nela!

Só acredito que podemos tratar uns aos outros com respeito!

Que, seguindo a Cristo e no espírito de Cristo, é possível discordar com dignidade e valorizando relacionamentos.

Não ignoro que há passagens, como a de Jesus chamando religiosos de Raça de víboras, ou derrubando mesas dos mercadores no templo.

Não ignoro algumas orientações paulinas em relação aos crentes carnais!

Não ignoro o quanto é importante identificar e confrontar heresias!

Sei que Jesus não foi/é - aquele líder fofinho que nunca colocava o dedo na ferida de ninguém!

Mas Jesus NUNCA agiu com ódio! NUNCA humilhou alguém pra sentir o prazer de ser o lado certo da briga!

NUNCA deixou de pregar a verdade pra ficar fofocando nos corredores, sobre a mentira dos equivocados.

Jantou na casa de fariseu e soube exortar com severidade, mas com graça!

Amou o religioso que o procurou sem a coragem de abandonar o que Jesus disse que deveria ser abandonado. Quis o bem dele, mesmo ele deixando pra trás o seu bem maior, Jesus!

Jesus nos amou sendo ainda nós pecadores e perdoou até os soldados que o faziam sofrer no Gólgota!

Jesus é nosso Senhor! É a Ele que devemos seguir enquanto caminhamos na vida!

Lamento que o Lula tenha sido desrespeitoso e que tenha generalizado, mas não posso fingir que a fala dele é mais danosa do que as nossas!

É como falamos uns dos outros e uns com os outros que realmente repercute no reino!

Nossa geração precisa aprender a ser mais tardia no falar e pronta no ouvir.

Nossas precipitações tem feito muita gente dormir chorando!

Dos pecadores, estou entre os maiores! A misericórdia que tento dar é muito menor do que aquela que preciso receber!

 

veja também