O batismo no Espírito Santo não é uma doutrina fria

O batismo no Espírito Santo não é uma doutrina fria

Atualizado: Terça-feira, 8 Outubro de 2013 as 1:12

Espírito SantoO batismo no Espírito Santo não é uma doutrina fria. O próprio João estava batizando nas águas frias do rio Jordão mas Cristo batizaria como em um rio de fogo. 
 
Era a expressão da diferença entre sistemas religiosos frios e a realidade de Deus que é um ‘fogo consumidor.’ Um fogo a lenha queimava no altar do templo, mas Cristo acenderia o fogo Divino no altar dos corações humanos.
 
Jesus certamente cumpriu as expectativas. É história. Seus seguidores contraíram uma fé ardente. “Os discípulos saíram e pregraram por toda parte; e o Senhor cooperava com eles (Marcos 16:20). 
 
Eles incendiaram o mundo pagão escuro e frio. Eles derreteram o Império de Ferro romano e conquistaram os conquistadores. Imperadores dobraram os joelhos Àquele que haviam crucificado como um criminoso, Jesus Cristo.
 
Nada além do poder de Deus poderia fazer tais maravilhas. O segredo era pessoas humildes em chamas para Deus, sendo batizadas em fogo. É pra você também.
 
 
- Reinhard Bonnke
 

veja também