"O plano de Deus é melhor que o meu", diz pai de cantora cristã assassinada nos EUA

Christina Grimmie foi assassinada a tiros por um fã descontrolado, em Orlando (EUA). Em uma cerimônia memorial, o pai da moça, Albert Grimmie, falou que sua fé continua firme em Deus, apesar da dura perda.

fonte: Guiame, com informações do Christian Today

Atualizado: Sábado, 18 Junho de 2016 as 5:42

A cerimônia foi acompanhada por membros de sua família, incluindo seu pai, Albert Grimmie, que falou, emocionado, que sua fé continua firme em Deus, apesar da dura perda. (Foto: Reuters)
A cerimônia foi acompanhada por membros de sua família, incluindo seu pai, Albert Grimmie, que falou, emocionado, que sua fé continua firme em Deus, apesar da dura perda. (Foto: Reuters)

Christina Grimmie, a cantora cristã que foi morta a tiros em Orlando, na semana passada, foi velada e sepultada em seu estado natal, de Nova Jersey (EUA).

Ela foi enterrada após um funeral privativo - apenas com a presença de familiares e amigos próximos na última quinta-feira (16) - que foi pago pelo pop star 'treinador' da cantora no programa 'The Voice USA', Adam Levine.

Uma cerimônia pública em memória da cantora de 22 anos aconteceu na última sexta-feira à noite, na Capela 'Fellowship Alliance', em Medford, Nova Jersey, que foi decorada com grandes imagens de Grimmie e uma cruz iluminada.

A cerimônia foi acompanhada por membros de sua família, incluindo seu pai, Albert Grimmie, que falou, emocionado, que sua fé continua firme em Deus, apesar da dura perda.

"O plano de Deus é melhor que o meu plano. Eu sei que isso é um fato. Dificilmente eu poderia planejar alguma coisa para o jantar. Não, eu não posso", afirmou.

Apesar de sua atitude centrada nos dias de hoje, Albert confessou que inicialmente chegou a questionar a vontade de Deus.

"Mas eu discuti com Deus: 'Deus, seus planos são melhores que os meus? Isso é ridículo. Isso não faz sentido'. Mas eu tenho que confiar nEle", contou o pai da cantora.

No início da semana, centenas de pessoas se reuniram para uma vigília à luz de velas em 'Evesham Township', onde seu irmão Marcus fez uma comovente homenagem à moça.

"Ela amava esta cidade, amava esse estado, adorava cantar, amava o Senhor e ela me amava. Ela era a minha irmãzinha", disse ele.

Marcus também falou de sua fé cristã em uma página do Facebook, lembrando de sua amada irmã: "Ela era uma parceiro na vida. A superstar. Introvertida, mas amiga de todos, genuinamente".

Ele continuou: "Mas acima de tudo ... ela era minha irmã. Ela amava o Senhor e sua família e esteva sempre lá por mim. Sinceramente, eu não sei o que eu farei sem ela".

Antes de aparecer no 'The Voice USA', Grimmie já era uma estrela do YouTube, conhecida nas mídias sociais. Um de seus vídeos mais populares foi sua interpretação da canção "In Christ Alone" ("Só em Jesus"), escrito por Stuart Townend e Keith Getty.

A canção também serviu para a abertura da cerimônia memorial na sexta-feira.

Grimmie foi assassinada por um fã descontrolado, enquanto ela dava autógrafos, após um show, na 'Orlando Plaza Live'. O atirador Kevin James Loibl acabou tirando a própria vida quando ele foi abordado por Marcus (irmão da cantora).

 

veja também